29 julho, 2011

Promessas de Paulo Portas e Passos Coelho, ocas.

Promessas de Paulo Portas e Passos Coelho
Continuando a obra dos anteriores governantes, e numa atitude desrespeitadora de todos os que votaram neles ou acreditaram que podiam ser diferentes e cumprir promessas, Passos Coelho e Paulo Portas continuam a dar largas ao parasitismo que mina a despesa pública, nomeando diariamente mais e mais "boys" para os seus "jobs".
A bola de neve crescente de pessoas que se vão acumulando e arrastando em cargos esquecidos, inúteis, despesistas, e sem frutos, arrasam o pretenso equilíbrio da economia da nação.
A prometida redução da despesa pública é afinal uma multiplicação. 
São já muitos governos a sobrecarregar a despesa pública, com boys; amigos, muitos famíliares, muita gente.... Já nem se sabe quem é quem em muitos casos, nem quem foi a cunha que o meteu... mas por ali andam a passear com um titulo fictício, num cargo fictício "executando" ou administrando um trabalho fictício, onde apenas o ordenado é bem real.
Os boys colocados no estado pelo governo de Sócrates? E os de Guterres? E os de Cavaco Silva?  Quantas centenas terão colocado cada um deles? E onde andarão agora? 
Já para não referir os gabinetes inventados que incluem a criação de dezenas de cargos.

Exemplo actual deste quadro será agora o "desmantelamento" previsto, dos governos civis.
Os edifícios serão vendidos, até aí tudo será rentável ( se não houver corrupção claro), mas... e quanto aos profissionais que trabalhavam no governo civil?
A maior parte deles deveriam ser boys e agora terão de ser absorvidos por outros organismos públicos, agravando mais o problema que se tem revelado na função pública aqui video - muitos chefes e poucos executantes. Muitos a ganhar muito e poucos a trabalhar.

Alguns factos citados...
 "Miguel Macedo, ministro da administração interna já nomeou 10 pessoas.
 - 4 secretárias pessoais
- 2 funcionários de apoio administrativo
- 1 chefe de gabinete
- 3 adjuntos da chefe de gabinete
Em diário da República – desde dia 21 de Junho de 2011."


"O secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro, Carlos Moedas, vai ter sob o seu comando uma equipade até 30 técnicos para seguir de perto o trabalho dos 11 ministérios e garantir que não há desvios às metas e prazos do acordo assinado com a troika.
Mais de uma centena de pessoas vai dedicar-se a escrutinar as contas do país nos próximos anos com a criação de novos órgãos de fiscalização. Além das entidades que tinham a tarefa de acompanhar as contas públicas e a política orçamental, o governo criou duas novas entidades para reforçar a vigilância dos dinheiros públicos. "


"Os vencimentos das 38 pessoas já nomeadas para o gabinete de Passos Coelho, por exemplo, variam entre os €3.653,81 dos assessores Paulo Pinheiro, Pedro Almeida, Carlos Sá Carneiro, entre outros, e os €583,58 do motorista Jorge Morais.
À hora a que esta notícia foi publicada, estavam online 235 nomeações. Mas durante o fim de semana há mais."
14 motoristas nomeados por Pedro Passos Coelho. Integram ainda o seu gabinete nove secretáriasoito assessores e sete adjuntos.fonte




Distribui subsídios comunitários aos amigos. 1,6 milhões de abusos.


ganhar dinheiro fácil politicaSaque em 4 actos.
1º acto - O srº Paulo Pereira deputado do PSD, e presidente da Associação para o Desenvolvimento Turístico da Região Centro, contratou a empresa Criartimagem - Design e Publicidade, Lda, pelo montante de 700 mil euros... até aqui as coisas até pareceriam normais.
2º acto - Contudo um ano após este estratégico contrato o Presidente, Paulo Pereira passou a pertencer à empresa a quem arranjou o grande negócio!!!! Agora começa a ficar estranho!!!
Não contente por arranjar um negócio tão lucrativo à empresa  Criartimagem - ainda lhe arranjou um financiamento de 528 mil euros do fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).
3º acto - A Associação que ele geria acabou por ser alvo de uma auditoria e foi-lhe exigido a devolução de 1,6 milhões de euros de apoios comunitários "valor correspondente à comparticipação de 75% de contratos superiores a 200 mil euros, que a associação adjudicou sem concursos públicos, em violação de regras nacionais e comunitárias."
4º acto - Para acabar em grande a empresa que recebeu mais fundos comunitários foi a  Criartimagem, precisamente aquela para onde foi trabalhar depois de a ter favorecido.

Este é apenas um exemplo de como funciona o tráfico de influências e o hábito de fazer dos cargos uma moeda de troca de dinheiro e favores. Mas não nos podemos esquecer que esta situação repete-se também a níveis superiores, envolvendo mais dinheiro e cargos mais importantes. Os métodos são os mesmos, os prejuízos é que são triplicados. 
Prejuízos tanto nas verbas que são oferecidos com dinheiro público, como posteriormente o prejuízo de ter pessoas sem perfil nem competência a desempenhar cargos de direcção em empresas públicas, com resultados ruinosos, apenas porque existem favores para pagar.
  
Neste video há muito para descobrir, sobre o grupo GPS, que detém a criartimagem. 
- Como os seus impostos são esbanjados?
- Como sustentar um grupo com mais de 50 empresas com dinheiros públicos, manter algumas que sirvam de porta de entrada de dinheiro público, esse poço inesgotável de dinheiro fácil.
- Como os políticos ou deputados fazem pela vida, unidos PS, PSD, etc.
- Como se criam escolas com direito de poder escolher alunos de elite e rejeitar alunos fracos?
- Como é que os directores destas escolas se transformam em poderosos coleccionadores de luxos incalculáveis.
Queira ter a bondade de navegar neste mar de corrupção, pode mesmo sentir-se enjoado com tanta falta de vergonha e promiscuidade, entre politica e negócios.



Noticia na fonte.
" Fundos europeus em causa própria. O dirigente do PSD Paulo Pereira Coelho foi responsável, na condição de presidente da Associação para o Desenvolvimento Turístico da Região Centro (ADTREC), a 4 de Maio de 2004, pela adjudicação de um contrato de mais de 700 mil euros a uma empresa a que ficaria ligado, cerca de um ano depois. À data da adjudicação, Pereira Coelho acumulava os cargos de presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro e de gestor do Programa Operacional do Centro e, nesta dupla condição, viabilizou o financiamento da mesma empresa e do seu contrato com 528 mil euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).alvo de uma auditoria que levou a CCDRC a exigir à ADTREC a devolução de 1,6 milhões de euros de FEDER que pagou a empresas - valor correspondente à comparticipação de 75% de contratos superiores a 200 mil euros, que a associação adjudicou sem concursos públicos, em violação de regras nacionais e comunitárias.Do lote de empresas beneficiadas por adjudicação directa ou processos de consulta prévia irregulares, a que firmou o contrato mais alto e recebeu mais fundos comunitários foi a Criartimagem." FONTE


Enriquecimento muito conveniente. Esgotar as reformas alheias...



2008 - "O ex-presidente da comissão executiva do (BCP), Paulo Teixeira Pinto, saiu há cinco meses do grupo com uma indemnização de 10 milhões de euros e com o compromisso de receber até final de vida uma pensão anual equivalente a 500 mil euros". fonte
Aos 46 anos este jovem bafejado pela sorte de ter um bom tacho, teve direito à reforma vitalícia devido a um relatório da junta médica que o atesta incapaz, por doença. Bingo...

Desta forma a sua incapacidade para o BCP foi muito conveniente pois resultou num enriquecimento rápido e num cargo novo numa consultora financeira que por acaso aceita reformados por incapacidade.
Para os de compreensão lenta e memória curta, as juntas médicas são aqueles senhores que se recusaram a dar baixa a professoras com cancro, e outros doentes igualmente remediados...
Baixas e reformas é um direito exclusivo para os ricos... pensávamos que era para doentes, carenciados, esfomeados?
Suponhamos que este senhor vive só até aos 76 anos... são 30 anos a receber 500 mil euros por ano...
  1. Paulo Teixeira já não está incapaz, para fazer parte dos boys da EDP!
  2. O BCP e o regabofe
  3. Paulo Teixiera Pinto, no Grupo Lena
  4. FMI DENUNCIA A MÁ DISTRIBUIÇÃO DOS APOIOS SOCIAIS,
  5. Bolsas de estudo para os carenciados e brilhantes?
  6. Fundos de investigação para quem irão?
  7. TRANSFERÊNCIA DAS PENSÕES DA  BANCA, PARA O ESTADO?

27 julho, 2011

Governo renovado mas com vícios antigos.

tachos da CGD
Por um lado fazem comunicados "vistosos" nos meios de comunicação de que vão acabar os tachos, os boys, a acumulação de cargos de luxo e deixam o povo comovido com mostras de contenção nas despesas, mas a realidade é bem diferente, actuam opostamente áquilo que apregoam.
Neste momento o governo de Pedro Passos Coelho percorre o mesmo caminho que o governo de Sócrates e já todos sabemos onde esse caminho nos vai levar. Os boys da CGD são a prova de que a moral e a ética, assim como o respeito pela livre concorrência do mercado do trabalho, não são valores que este governo estime ou respeite.
Numa noticia avançada aqui, pela agência financeira, podemos comprovar que o problema dos boys prevalece, alastra-se e mina a competência e a contenção, coloca em causa a economia e o bom desempenho das empresas e ainda sobrecarrega a despesa pública.
Detectamos também a prática comum de acumular cargos de grande responsabilidade... o que nos permite questionar sobre o tempo que dedicam a cada um dos cargos. Colocando em causa disponibilidade e eficácia nos cargos por que se dividem.
Um bom presidente, um bom gestor ou executivo de uma empresa que visa o lucro e o sucesso, geralmente mal dispõe de tempo para um só cargo, contudo no estado parece que de alguma forma eles conseguem ser incompetentes em vários cargos. aqui
Provavelmente porque a incompetência no estado não tem punição ou sequer vigilância. O sitio mais fácil para a proliferação de incompetentes são os cargos públicos. 
Onde não importam os resultados e até são premiados os que dão prejuízo. (exemplos)
Onde o dinheiro que se lhes paga "não é de ninguém e é um saco sem fundo" 
Para quando nomeações por competência e nunca por partidos ou conveniências?
Há quem pergunte mesmo se a CGD é um escritório de advogados ou um banco. Pela ironia da incompatibilidade de currículos com os cargos.
A luz começa a incidir sobre o caos, creio que tudo se tem tratado de um mal entendido...
Os cortes na despesa pública tem 2 interpretações possíveis e creio que o governo entendeu esses cortes como sendo; cortar com o que o estado dá aos serviços sociais para apoiar o povo, tais como SNS, SS, subsídios, etc
Por outro lado o povo, acreditando que tinha amigos no governo, entendeu que o governo falava de cortes na despesa com os boys, com os luxos dos políticos, com os carros de serviço, com os salários desproporcionados dos gestores públicos, com as negociatas ilícitas, com as adjudicações aos amigos, com o parasitismo da RTP etc etc .
Foi tudo um erro de interpretação ... nada de maldoso.

Noticia na fonte.
"Louçã acusou, o Governo de estar a nomear pessoas por «favores» em vez de o fazer por competências, em particular no caso da Caixa Geral de Depósitos.
«dr. [António] Nogueira Leite é  um vice-presidente do PSD. Quem é que o acompanha na administração da Caixa Geral de Depósitos? Um ex-secretário de Estado do CDS»
De acordo com Louçã, as nomeações para o banco público foram feitas «por partidos», não por competências, nem por «saberem do ofício», mas sim por «favores, empregos para os amigos».
destaccou as ligações de Nogueira Leite ao grupo Mello, relacionando a sua ida para a Caixa Geral de Depósitos com o projeto de esta vender as suas parcelas ligadas à saúde. «Quem é que é uma das maiores empresas na área da saúde? A empresa do grupo Mello, de onde vem quem? Nogueira Leite. O mundo é muito pequeno, nos negócios e no favorecimento entre a política e os interesses, mas não pode ser assim»

Noutra noticia
Fernando Faria de Oliveira foi reeleito como presidente do conselho da administração e terá como vice-presidente José Agostinho de Matos. O actual vice-governador do Banco de Portugal acumula, assim, o cargo com a presidência da comissão executiva, esclarece o banco em comunicado.
Pedro Rebelo de Sousa, advogado e irmão de Marcelo Rebelo de Sousa entra para a equipa, como vogal. Vai estar ao lado de António Nogueira Leite (conselheiro do PSD) e de Norberto Rosa, que acumula funções na Comissão Interbancária para o Sistema de Pagamentos, na Sociedade Interbancária de Serviços e é vice-presidente do conselho de administração do BPN.
Também Fernandes Thomaz, Eduardo Paz Ferreira e Álvaro Nascimento (director da Universidade Católica do Porto) farão parte da nova administração da CGD.
A administração é composta ainda por Jorge Tomé, Rodolfo Lavrador, Pedro Cardoso, que transitam da anterior equipa. fonte


Forças Armadas não estão em crise, vão de vento em popa.

Podemos ser um país perto da bancarrota mas as forças armadas são um paraíso paralelo de ostentação, que faz inveja a muitos países ricos.
Vejamos...

- 51 milhões de euros em 37 tanques (2009)
- 130 milhões de euros em 10 helicópteros (2011)
- 1 026 mil milhões em submarinos (2010) fonte
- 14 milhões/ano só salários de generais.
- 1057,8 milhões de euros com salários (55,7% do orçamento)
- Governo pede que dispense 3 mil praças para fazer face à crise. O exército contratou mais de 1000 sem autorização. (2011)
- Estado português gastou 32,2 milhões de euros em 2010 em armamento, formação e obras para os dois novos submarinos da Marinha. Em 2011, os compromissos financeiros respeitantes à manutenção dos dois submarinos ascendem a 24 milhões de euros: 21,4 milhões para «Fornecimento Logístico», 2 milhões para «Armamento Mísseis» e o restante na «Missão Construção e Material». fonte
- Mais uma grande aquisição de Portugal à Alemanha, 37 tanques dos mais caros e melhores. 51 milhões para guardar numa garagem durante décadas.
- Veja em baixo detalhes de quantos militares o governo e o povo português têm que sustentar. E como os americanos descrevem a anedota do exército português.
Noticias que atestam o acima escrito.

26 julho, 2011

Negócios corruptos não dão margem para reclamações.


povo lesado roubado calado
Aparentemente,  está em vias de ser provado que o negócio dos submarinos foi fechado sob influência de avultadas "luvas", 62 MILHÕES.
Contudo os contornos de incompetência e corrupção agravam-se se tivermos em conta os comentários do BE, onde afirma que o negócio podia ter sido desfeito e ainda trazer mil milhões de euros para os cofres do erário público.
Mas temos que perceber que não era possível haver recuo ou reclamações, por parte de Portugal, já que os envolvidos no negócio tinham recebido milhões em "luvas" e uma das coisas que as "luvas" pagam, é o silêncio. Não se pode voltar atrás em negócios sujos.
Por isso e apesar do incumprimento de algumas clausulas do contrato, os nossos gestores da nação, ficaram em silêncio. O povo lesado não tem voz nem voto na matéria.
É esta a elite politica que temos e que continuamente colocamos no poder.
Sempre confiantes que os do partido x são melhores que o partido y... sempre cegos elegemos os carrascos que todos os dias aprofundam a agonia de Portugal. Que todos os dias subtraem os nossos impostos e os somam ás suas fortunas pessoais.
Os Ministros são isentos de culpa? Não serão eles responsáveis superiores pelo que se faz no seu ministério?
São estes casos que nos fazem questionar, porque razão se vota sempre nos mesmos. Os "chicos espertos" que já conhecem tão bem os truques e os esquemas, que já possuem os conhecimentos necessários, e aliam-se à sua elite de amigos, para em perfeito compadrio perpetuarem esquemas ilícitos, na maior descontracção.

Façamos contas,  e vejamos....
Consequentemente e naturalmente, dos nossos impostos apenas sobram DIVIDAS.
Não há dinheiro suficiente para tanta anarquia, tanta liberdade para esbanjar... tanta impunidade para continuar... 
E eles andam ai...nas calmas... no poder... Paulo Portas... glorioso, brilha no seu poleiro, Durão Barroso homem de confiança, Cavaco Silva, Presidente... 
Somos os maiores ... a consentir, a apoiar a impunidade, a corrupção, a destruição dos nossos impostos... 
Continuamos a votar neles e Portugal definha.
Noticia onde se afirma a possibilidade de recuperar o negócio."BE afirmou hoje que o Governo português poderia ter devolvido os dois submarinos comprados à Alemanha  e recuperando €1000 milhões, devido aos incumprimentos no programa de contrapartidas."Seria possível ter anulado a compra destes submarinos com base no incumprimento das contrapartidas", afirmou à agência Lusa a deputada bloquista Rita Calvário.Despesas inúteis
"A austeridade não é inevitável, há alternativas, a compra dos submarinos mostra como existem despesas que são inúteis e que podemos ter políticas alternativas para combater a dívida sem necessariamente cortar salários e nas pensões", disse Rita Calvário."  fonte

25 julho, 2011

69 milhões recebe o estado, só em taxas moderadores dos hospitais.


luxos SNS esbanjar Os portugueses bem se podem queixar do sistema nacional de saúde estar cada vez mais caro e menos eficaz. Pois existem interesses ocultos nessa situação.
A ostentação, dos que mandam, contrasta com a austeridade que oferecem, aos que adoecem.
Administrador aufere ordenado de luxo de 6152 euros no Hospital Amadora-Sintra.
Numa festa foram gastos 90 mil euros, e quando questionado sobre o esbanjamento Francisco Ramos, secretário de Estado Adjunto da Saúde respondeu que não foi desperdício, pois precisam de informar as pessoas.
Enfim... Vejam aqui o resto do esbanjamento do SNS, descarado, descontrolado e abusador. Sempre a aumentar a necessidade de ir ao salário dos portugueses buscar mais e mais, até nos dar cabo da saúde.
Extractos do artigo.
"(...) paga um ordenado milionário de 6152 euros ao administrador do Hospital Amadora-Sintra – mais mil euros do que o salário de José Sócrates.  Durante o debate, o deputado Ricardo Martins confrontou a ministra Ana Jorge com o "esbanjamento de 90 mil euros em duas cerimónias pomposas que dariam para custear 5000 diárias de internamento numa unidade de Cuidados Continuados de longa duração".Francisco Ramos respondeu "Não foi desperdício. É importante haver condições para transmitir a informação às pessoas."A ministra Ana Jorge foi criticada pelas taxas moderadoras em cirurgia e internamento, consideradas "injustas" pela Oposição. Ana Jorge disse não acabar com o pagamento, para os "utentes terem consciência do custo real da saúde". 68 milhões de euros é o valor da totalidade das taxas moderadoras pagas pelos portugueses, por ano, no acesso aos hospitais públicos.As taxas das cirurgias e internamentos rendem um milhão de euros"fonte.

200 mil gastos com hospitais que não existem, há 8 meses.

hospitais fantasmas despesas
2010 - Governo esteve mais de 8 meses a pagar 200 mil euros/mês por 2 hospitais fantasmas. O ministério diz que tinham ainda recursos humanos e material para tratar... o Presidente de Cascais diz que deve haver engano pois os hospitais estão vazios tanto de pessoal como de material???!!!!

"Governo gasta 200 mil euros por mês com dois hospitais desactivados.
 O Ministério está a gastar 200 mil euros por mês com remunerações e a manutenção de dois hospitais que estão fechados há oito meses, no concelho de Cascais.
Ao Negócios, o Ministério da Saúde explicou que "apesar não realizar actividade assistencial, existe toda a actividade de encerramento de contas, gestão de recursos humanos e de património que obriga, por algum tempo, à manutenção da estrutura, tanto de direito como de facto".
Hoje ao "DN", o presidente da Câmara de Cascais já tinha dito que a extinção do hospital Conde Castro Guimarães, que consta no Orçamento do Estado para 2011, "deve ser um lapso". "Qualquer dos dois edifícios estão vazios. Todo o profissional foi absorvido pelo novo hospital de Cascais e não tem ninguém lá a trabalhar. Aliás, todo o equipamento que lá estava foi doado para a Guiné e para instituições nacionais de solidariedade social, como a Cruz Vermelha e Misericórdia", garantiu.
 
fonte

Actualização 2011A saga continua... a esta altura ainda se mantém a situação de pagar aos funcionários do hospital fantasma.
"Hospital fechado também tem médicos a receber salário.
"O antigo Hospital de Cascais está desactivado desde Fevereiro de 2010, após ter sido substituído por um novo, mas não só continua a ter um conselho de administração de dois elementos no activo como ficou com 16 médicos e técnicos de diagnóstico e terapêutica que o grupo privado que o substituiu não quis e que continuaram a ser remunerados sem exercerem funções."
Noticia na Fonte

Por dia gastam-se 25 milhões de euros no SNS. Mas vejamos porquê...


SNS esbanja abusos
"O Serviço Nacional de Saúde custou, em 2010, mais de 25 milhões de euros por dia. O total das receitas do IRS não chega para pagar os cuidados dos portugueses que recorrem ao SNS. Cerca de 25% das verbas do Orçamento do Estado servem para financiar a saúde." FONTE
Tudo tem uma razão de ser, se quiser entender melhor a razão deste quadro insustentável veja alguns exemplos de despesismo, que não são certamente em beneficio dos contribuintes... doentes.
Aceda aos links em baixo e entenda.
  1. Milhões de euros ainda em caixotes.
  2. Abortos de luxo.
  3. Péssima gestão de stocks.
  4. Tachos.
  5. Ordenados de luxo e festas.
  6. Veja neste video a péssima gestão do SNS.
  7. 70 milhões no lixo
  8. Médicos chegam a ganhar 10 vezes mais que o escalão máximo.
  9. Instituições com poderes desmesurados somados à falta de ética
Para inverter a situação recomenda-se, aos nossos caríssimos políticos, um pouco de contenção e vergonha. Os milhões que se gastam no SNS podem ser reduzidos sem sacrificar sempre o cidadão.
Para terminar em grande despesismo, o estado, por achar que paga pouco aos seus boys ainda distribui um reforço através de bónus e prémios por MÁ GESTÃO, OU ATENTADO CONTRA A NAÇÃO!!!
"TC critica despesismo injustificado na Saúde 03 JAN 11
Em mais uma auditoria, o Tribunal de Contas (TC) volta a falar em desperdícios na Saúde, criticando os cerca de 150 mil euros de prémios pagos a três directores do SUCH. Prémios pagos por objectivos que não se cumpriram, 25 carros distribuídos para fins não apenas profissionais."
FONTE


20 julho, 2011

Politico nasceu para não trabalhar.

socrates bi
O Primeiro Ministro de Portugal foi a uma festa importante mas, apercebeu-se que se tinha esquecido do convite e foi barrado pelo segurança:
- Desculpe, senhor, mas sem convite não posso deixá-lo entrar.
- Mas eu sou o Primeiro Ministro de Portugal ! – respondeu o político
O segurança:
- Então mostre-me os seus documentos.
- É que também não tenho os documentos, esqueci-me da carteira. – desculpou-se
- Desculpe, mas não vou poder deixá-lo entrar! – respondeu o segurança.
- O quê? O senhor nunca me viu na TV? Olhe bem para a minha cara! – insistiu o o pm
- De facto, o senhor é muito parecido com o Primeiro Ministro, mas sabe como é… existem muitos sósias por aí… O senhor vai ter de provar que é realmente o PM . – desafiou o segurança.
- Mas o que quer que faça? – perguntou
Explicou então o segurança:
- O senhor é que sabe! Por exemplo: o Cristiano Ronaldo também se esqueceu dos documentos… eu dei-lhe uma bola de futebol e ele fez uma demonstração que logo me convenceu. A Mariza, também se esqueceu do documentos e, fez uma demonstração a cantar o fado que provou ser quem dizia ser.
Já a ver a vida andar para trás, diz o Primeiro Ministro:
- Porra, mas eu não sei fazer nada!!!!! .....
Meio atrapalhado, responde o segurança:
- Ah! Desculpe pelo inconveniente causado Sr. Primeiro Ministro. Faça o favor de entrar




Politico fala, fala mas não faz nada. (anedota)

Tachos estado a mais
Um casal conheceu-se numa festa e foi parar a um hotel.
No dia seguinte, entre olhares apaixonados, o homem disse:
- "Pela maneira que tocavas no meu cabelo, deves ser cabeleireira."
A brasa respondeu:
- "Adivinhou! Sou mesmo! E sabes uma coisa: eu acho que tu és politico !!!."
O homem ficou de boca aberta, verdadeiramente abismado. Quis saber como é que ela tinha adivinhado tão facilmente .
A explicação veio rápida:
- "É muito simples:
É que quando tu estavas por baixo, gritavas e gritavas...
E quando estiveste por cima... não fizeste nada bem feito..."

19 julho, 2011

Mais uns milhões para o lixo no reino da impunidade. IPO sacrifica doentes

corrupção SNS, oncologia radioterapia
Instituto de Oncologia de Lisboa deixa no caixote, milhões de euros de material.
Depois dizem que não há dinheiro para a saúde... Mas afinal não há, é dinheiro, para tanta incompetência e favores na gestão da saúde.

O IPO comprou material no valor de 4 milhões de euros em 2004, para secção de radioterapia, agora descobre-se que, em 2010, por incompetência dos administradores apenas uma máquina estava a ser usada. E mais uma vez para reforçar a incompetência, o hospital estava a enviar os doentes de radioterapia para hospitais privados pagando com os nossos impostos, o que deviam fazer com as máquinas abandonadas e também pagas com os nossos impostos...
Mais... Como se não bastasse o esbanjamento e a incompetência, descobriu-se que estavam a pagar, a esses privados, muito mais do que pré negociado.

"A auditoria do Tribunal de Contas à aquisição de material do Instituto de Oncologia de Lisboa é muito crítica a administração da instituição de 2005 até 2010. "O tribunal considera injustificável que um concurso público lançado em 2004 para a compra de material de radioterapia no valor de mais de 4 milhões de euros que em Novembro de 2010 apenas uma das máquinas compradas estivesse em funcionamento." Os auditores acusam a administração de não ter “capacidade de decisão” e de ter “negligenciado os princípios básicos da boa gestão dos dinheiros dos contribuintes”." "Por fim, a auditoria considera que o valor pago pelo Ministério da Saúde por doente tratado pelo privado (256,49euros) é “totalmente incompreensível”, uma vez que é superior ao negociado com os privados, sendo “indutor de irracionalidade na gestão hospitalar”.FONTE 

QUEM TEM PODER PARA JULGAR ESTES CRIMINOSOS?
O estado pagou, só num ano 3 milhões, aos privados que faziam o trabalho das máquinas arrumadas em caixotes, e entre 2007 e 2009 pagou perto de 10 milhões.
Um prejuízo para o estado e para os doentes.
"Entre três mil e quatro mil doentes de cancro por ano não fazem tratamento de radioterapia devido à insuficiência deste tipo de equipamentos no País, segundo especialistas ouvidos pelo CM. Na União Humanitária dos Doentes com Cancro, são recebidos diariamente reclamações e protestos de doentes, que se queixam de esperar semanas ou meses por uma consulta de oncologia ou tratamentos.
A denúncia da insuficiência de equipamentos de radioterapia em Portugal surgiu ontem num estudo publicado na prestigiada revista científica ‘Lancet Oncology'.
Segundo a investigação, o nosso país tem uma taxa de 4,6 aparelhos de radioterapia por milhão de habitantes, um número abaixo da média europeia, que é de 5,3. Isto significa que 19 por cento dos tratamentos oncológicos não são realizados." fonte (25/01/2013)

Despesismo, se quiser continuar, consulte a coluna aqui ao lado direito do blog, indigne-se e divulgue
  1. Abortos de luxo.
  2. Péssima gestão de stocks.
  3. Tachos.
  4. Ordenados de luxo e festas.
  5. Veja neste video a péssima gestão do SNS.
  6. 70 milhões no lixo
  7. Médicos chegam a ganhar 10 vezes mais que o escalão máximo.
  8. Instituições com poderes desmesurados somados à falta de ética
No governo português este tipo de criminosos que destroem o país e esbanjam o erário público, o máximo que lhe pode acontecer é mudar de tacho e ir esbanjar para outro lado, mas sempre a destruir os nossos impostos.
Questões que surgem... 
Quem terá sido o amiguinho que escolhe amigos para gerir os nossos milhões no hospital, mesmo sendo incompetente sem respeito pelos doentes e pelos contribuintes? 
Quem será a clínica amiga que tem o privilégio de ter um negócio tão lucrativo, ás custas de um outro amiguinho que deixou os caixotes na cave? 
Quem foi o amigo que recebeu dinheiro para se fazer a radioterapia na sua clínica privada? 
Quem foi o criminoso que se dispôs a abusar dos nossos impostos, pagando a mais à clínica amiga?
Alguém foi julgado? Acusado? despedido? Multado? Preso?
Porque será que quando se trata de pagar, com o dinheiro dos nossos impostos, eles (os que nos desgovernam) gostam de dar sempre mais qualquer coisinha? (Deu-se dinheiro a mais aos alemães pelos submarinos,  Deu-se dinheiro a mais no caso dos 260 tanques, dinheiro dos portugueses claro.. ou neste caso, e ainda neste??? .)

14 julho, 2011

Pedro Passos Coelho e Obama. anedota

 Salários milionários chulos
Obama visita Portugal e estava a trocar com Pedro Passos Coelho algumas curiosidades sobre o nível de vida nos dois países.
PPC - Então e quanto ganha um cidadão nos USA ?  Assim tipo um trolha?
Obama - 2.000  euros... mais ou menos ...
PPC  - Bem bom... e quanto gasta para ter uma vida normal??
Obama - Cerca de 1000 euros...
PPC - Ainda sobra sendo assim?!!!! e que fazem eles com tanto dinheiro de sobra?
Obama- Isso já é com cada cidadão, o governo não se intromete onde eles gastam o dinheiro que sobra, somos uma nação livre. E quanto ganha o trolha em Portugal???
PPC - Bem... cerca de 500 euros.
Obama- E quanto precisa para viver um português normal ?
PPC - Mais que 900 euros certamente.
Obama - UI !!! Então onde vão eles buscar o resto de dinheiro que fica a faltar?
PPC - Somos uma nação livre meu caro, tal como vocês, o governo não se mete a investigar onde eles arranjam o resto do dinheiro que precisam, para viver...


7 milhões em campo de golfe, na Madeira, colossal!

João Jardim milhões estado

João Jardim usa sete milhões de empresa pública para construir campo de golfe.
É este o país onde vivemos, o governo exige contenção mas o exemplo que dão é de puro esbanjamento.

Expropriam os agricultores, gastando milhões para o efeito, e subtraindo mais agricultores, ao já de si fraco tecido produtivo do país, situação que o Dr Cavaco Silva tanto preza.
Assim em breve teremos os nossos abastados políticos, com imensos vícios de luxo para gozar e usufruir.
CAMPOS DE GOLFE, MARINAS, HOSPITAIS PRIVADAS, ESTÁDIOS GRANDIOSOS, ESTRADAS SEM FIM, FÓRUNS, HELIPORTOS, COLÉGIOS PRIVADOS, ETC ETC
E nesse mesmo futuro próximo, viverão confortáveis contrastando com o povo miserável, sem saúde pública, sem escolas, sem reforma para sobreviver aos tempos duros da velhice... muito menos para jogar golfe nos buracos do João Jardim. Veremos o nosso país transformado num paraíso de ricos e num pesadelo dos pobres e remediados.

Em baixo as citações que originaram este comentário.
"O governo regional da Madeira autorizou a transferência de sete milhões de euros da Sociedade de Desenvolvimento do Porto Santo, para financiar a obra do Campo de Golfe da Ponta do Pargo, incluída no plano de investimento desta sociedade anónima de capitais exclusivamente públicos.Alberto João Jardim ignorou as novas medidas de austeridade do acordo com a troika que põe travão a investimentos em obras públicas sem viabilidade.  O processo de compra dos terrenos agrícolas, num valor superior a seis milhões de euros, foi polémico por a população local exigir o investimento em equipamentos de maior interesse público."fonte
Apenas para relembrar...   
"Para cobrir grande parte do prejuízo estimado ( cheias) , a Madeira recebeu do Governo da República os primeiros 50 milhões dos 740 a distribuir por quatro orçamentos."  fonte



COMO FALIR UM PAÍS EM 5 MINUTOS DE MÁ GESTÃO.


GESTÃO DANOSA DO PATRIMÓNIO NACIONAL. ONDE ESTÃO OS CULPADOS?
Assista ao videopara entender em quem é que andamos a votar... Venderam os hospitais e agora temos que os alugar... vergonhoso... ruinoso... triste e decadente.
Incompetentes, impunes que para remediar os actos de incompetência, alugam os hospitais que vendem.
É com incompetências e impunidade que se perdem milhões de euros do estado e ainda hospitais vitais do sistema de saúde???
E onde está a avaliação e investigação de casos destes?
Mas não é apenas com os hospitais que praticam gestão criminosa. Muito do património da nação está a ser vitima de interesses obscuros e a enriquecer intermediários de imobiliárias e privados.

VENDER PATRIMÓNIO DO ESTADO para ocultar deficit mas aumentando a despesa pública
Os nossos brilhantes Governos insistem em "destruir" o património nacional só para disfarçar o quanto são incompetentes e despesistas. Sabia que venderam os nossos hospitais? Curry Cabral e S.José e agora pagam milhões de aluguer, por eles?
Mas não é tudo, fique a conhecer mais vendas ruinosas, do Património nacional.
O estado realizou 980 milhões de euros, com vendas de património que logo a seguir alugou, a ele próprio, por rendas altíssimas.
Em 10 ou 12 anos já terá gasto os 980 milhões das vendas, em rendas, que depois ficaremos a pagar para sempre, sem qualquer retorno. E nós povo, futuro pagador destes "pecados" de má gestão e interesses obscuros... nada podemos fazer para os parar.


13 julho, 2011

Politico é a melhor profissão de Portugal? Claro...





Video que denuncia o abuso dos salários dos boys.
Boys e Girls aos montes. Se queremos ter futuro em Portugal temos que ser políticos???
Das 447 nomeações feitas até este sábado, dia 6, pelo Governo, no mês e meio que leva em funções, 73 são "boys" como a edição impressa do DN hoje divulgou. Saiba quem são os nomeados com ligações partidárias (a lista é arbitrária e segue a ordem pela qual surgem no site do próprio Governo).  07 Agosto 2011

OS 73 'PARTIDÁRIOS'
1.Nome:João Montenegro
Cargo: Adjunto do primeiro-ministro
Ligação ao PSD: Foi vice-presidente da Comissão Política Nacional da JSD
Vencimento: 3.287,08 euros

2. Nome:Paulo Pinheiro
Cargo: Adjunto do primeiro-ministro
Ligação ao PSD: Foi adjunto do gabinete de Durão Barroso
Vencimento: 3.653,81 euros

3.Nome: Carlos Sá Carneiro
Cargo: Assessor do primeiro-ministro
Ligação ao PSD: Foi adjunto de Pedro Passos Coelho na São Caetano à Lapa
Vencimento: 3.653,81 euros

Cargos ao desbarato. Anedota.

corrupção politica dinheiro
Um sujeito vai visitar um amigo deputado e aproveita para lhe pedir um emprego para o filho, que tinha acabado de completar o décimo segundo ano.
— Eu tenho uma vaga de assessor, só que o ordenado não é muito bom...
— Quanto é, doutor?
— Pouco mais de dez mil euros.
— Dez mil? Mas é muito dinheiro para o garoto! Ele não vai saber o que fazer com tudo isso. Não tem vaga mais modesta?
— Só se for para trabalhar na Assembleia. Meio período. Estão a pagar cinco mil!
— Ainda é muito, doutor! Isso vai acabar por estragar o rapaz. O senhor não tem um emprego que pague uns mil ou até mil e duzentos euros?
— Ter, tenho. Mas aí é só por concurso e é para quem tem curso superior em Engenharia, Administração, Medicina, Economia, Direito ou Contabilidade, etc. E ainda tem de possuir bons conhecimentos em informática, além de inglês, francês e espanhol fluentes...

Risota internacional, os ministérios. ( Anedota)

Anedota políticos milionários
Ministros de Portugal e da Suíça encontram-se numa cimeira.
O Primeiro Ministro de Portugal apresenta a sua equipa ao Primeiro Ministro da Suíça:
- Este é o Ministro da Saúde, este é o Ministro da Educação, este é o Ministro da Cultura e este é o Ministro da Justiça.
O Primeiro Ministro da Suíça apresenta então a sua equipa:
- Este é o Ministro da Saúde, este é o Ministro da Agricultura, este é o Ministro da Educação, este é o Ministro da Marinha...
O Primeiro Ministro português ri-se e interrompe-o:
- Desculpe, mas... se a Suíça não tem mar, porque raio é que tem um Ministro da Marinha?
- Olhe, quando você me apresentou os Ministros da Justiça, da Educação e da Saúde eu também não me ri nem estranhei...

Politico cumpre com a obrigação? (anedota)

Anedota políticos milionários Havia muitos jornalistas na sala e, lá no fundo, um bêbado.
Quase no fim da entrevista coletiva, um repórter da RTP fez a seguinte pergunta aos três políticos:
- Senhores, se vocês fossem solteiros, com quem os senhores gostariam de se casar ???
O primeiro a responder foi Santana Lopes , o presidente da C. Municipal de Lisboa:
- Eu me casaria com a Catarina Furtado, a mulher mais bonita de Portugal!!!
Entao o bêbado, lá no fundo, batendo palmas, grita:
- Isso mesmo, muito bom, casou pela beleza, muito bom!!!
Logo após, o Presidente Sampaio deu a sua resposta:
- Eu me casaria com a minha mulher, pois ela me ama!!
O bêbado, mais uma vez:
- Muito bem, casou por amor!!! Muito bom!!!
E então, Durão Barroso, deu a sua resposta:
- Eu me casaria com Portugal , meu coração pertence a este país!!
O bêbado responde
- muito bem, isso é que é homem honrado. Fodeu, tem que casar!!

12 julho, 2011

Mataram o Sócrates? (anedota)

Mataram o Sócrates anedota)
O Sócrates e o seu motorista passeavam por uma estrada quando subitamente,
atropelaram um porco, matando-o instantaneamente.
O Sócrates disse então ao seu motorista que fosse até à quinta e explicasse o que tinha acontecido ao dono do animal.
Uma hora mais tarde, o PM vê o seu motorista a cambalear em direcção ao carro, com um cigarro numa mão e com uma garrafa na outra. A roupa estava toda amarrotada.
- O que é que aconteceu? - perguntou
O motorista respondeu:
- Bem, o dono da quinta deu-me vinho, a sua mulher, cigarros e a sua charmosa filha de 19 anos fez amor comigo,apaixonadamente.

- Meu Deus! Mas o que é que lhes disse? - perguntou Sócrates.
- Sou o motorista do Sócrates e acabo de matar o porco!

Perguntas ao povo depois do aumento dos impostos. anedota

1
- O que é que tens, quando tens 6 ministros do actual Governo enterrados até ao pescoço na areia ?
- Areia a menos.

2
- Se um Primeiro-Ministro e o Ministro das Finanças se estivessem os dois a afogar e só pudesses salvar um, o que fazias?
- Ias almoçar ou ler o jornal ?

3
- Qual é a diferença entre o governo Inglês e o Português ?
- O governo Inglês é parlamentar... Já o Português, é para lamentar.


Passos Coelho em busca dos boys perdidos.

"Depois de na campanha eleitoral, Pedro Passos Coelho ter garantido que não iria levar “boys” para o Executivo, agora o primeiro-ministro quer expulsar os “boys” socialistas. Segundo a edição de hoje do “i”, num dos primeiros conselhos de ministros foram dadas indicações para que todos os ministérios fizessem o levantamento de todas as nomeações feitas na “era Sócrates” (desde 2005).
O objetivo é fazer uma radiografia completa à orgânica do Governo – ministérios, secretarias de Estado, direções-gerais e regionais, institutos, gabinetes e departamentos – de forma a saber quem lá trabalha, o que faz e se o que faz é útil ou não.
As respostas deverão ser enviadas até ao final desta semana, diz o “i”, que, citando fonte do Executivo de Passos, avança que foram feitas “milhares de nomeações” nestes últimos cinco anos e meio." 
FONTE

Esta manobra politica mais não é do que oferecer carneiros ao sacrifício para saciar a sede de sangue dos que querem acreditar que SÓCRATES É O CULPADO DE TUDO.
MAS SEJAMOS REALISTA SR PASSOS COELHO, NÃO FOI APENAS O SR SÓCRATES QUE COLOCOU BOYS, FORAM TODOS OS GOVERNOS,  PORTANTO CONVÉM FAZER A JUSTIÇA COMO ELA É : CEGA! 
Aconselho-o a ir à caça de todos os Boys, pois o  povo é contra todos os Boys e não especificamente contra os Boys do Sócrates. 
SE PASSOS COELHO FAZ UMA CAÇA AOS BOYS ALHEIOS, estamos perante uma medida demagógica de pura promoção da sua pessoa e do seu partido, MAS que não resolve o problema.

Deixem as demagogias para as campanhas, arregacem as mangas e comecem a trabalhar. Cortar com este despesismo era útil:

  1. ISTO É UMA VERGONHA.
  2. ISTO É OUTRA.
  3. ESTA É OUTRA AINDA.
  4. UMA LEI DEMASIADO PERMISSIVA.
  5. EXAGERANDO ATÉ.

Queremos medidas que protejam e promovam o país e o povo,  dispensamos as medidas ocas que apenas promovam e enriqueçam os partidos.

Reunião urgente. Passos Coelho (Anedota)


No gabinete do ministro Passos Coelho: 
- Marca uma reunião muito urgente já para para segunda-feira, com os ministros - diz o ministro.
- Segunda-feira escreve-se com "s" ou com "x"? - pergunta a secretaria.
O ministro após pensar um pouco responde:
- Marca pra quinta....

Tentativas de manipular o povo... direita igual a estabilidade?

MAIS UMA TENTATIVA DE MANIPULAR OS INOCENTES. 
Num artigo de hoje do Público um politologo tenta fazer crer que as pessoas votaram no Passos Coelho em busca de estabilidade... os mais frágeis e vulneráveis vão lendo estas coisas e até podem chegar a acreditar DIREITA igual ESTABILIDADE... se insistirem e teimarem pode ser que pegue.

Contudo já Miguel Sousa Tavares também afirmou num artigo do EXPRESSO, que em tempo de crise os povos confiam mais na direita que na esquerda, ressalvando : " irónico, já que foram as ideias liberais da direita que nos levaram á crise". Afirma.
Pretendem mostrar uma realidade distorcida, que apenas pertence aos políticos. Já que é com esta realidade, vendida e impingida ao povo, que pretendem fazer-nos acreditar que os políticos fazem muita falta ao país e ao povo.
Talvez devesse deixar-se bem claro que Portugal não "virou" para lado nenhum, estas teorias transmitem a falsa ideia de democracia e liberdade de escolha... mas desenganem-se os que ainda acreditam nisso. Estas eleições foram a prova viva de que a democracia em Portugal se apagou... e quase ninguém deu por nada.

Ninguem virou á direita, fomos encurralados, como ovelhas em matadouros forçadas a seguir em direcção predefinida. Fomos dirigidos para a direita, em fuga da esquerda. Não em escolha livre e voluntária de querer ver a direita no poder. 
Qual estabilidade? Já todos lá estiveram e estabilidade nunca foi o que nos ofereceram.
Não foram as ideias liberais da direita que nos catapultaram para o fosso em que estamos, o que nos LEVOU ao fosso foram anos e anos, governos e mais governos, de direitas e esquerdas e a sua governação incompetente e impune. As próprias saídas e entradas de cada governo, são também um regabofe de despesismo, só por si. 
Mas os buracos mais graves são essencialmente devidos aos nossos governos corruptos, impunes e despesistas. Distribuidores sem escrúpulos de tachos e poleiros, milionários.

Ainda há quem acredite nos velhos políticos ferrenhos e dedicados que acima de tudo prezavam o bom nome dos partidos, os princípios e os ideais.
Hoje em dia ser politico é ser inicialmente um manipulador mentiroso e demagogo, e posteriormente, em vez de governar... governar-se.

11 julho, 2011

Os tachos que não deixam de surpreender.


nepotismo corrupção Este governo quis primar pela mudança, mas está a seguir os mesmos passos de todos os outros, fingem que estão a higienizar o excesso de funcionários dependentes do estado para aliviar a despesa pública, mas ao mesmo tempo que despedem uns, há sempre alguém que precisa de dar emprego a outros. E o ciclo repete-se sem fim à vista. 
LISTA MAIS RECENTE CERTAMENTE MAIS UMAS DEZENAS DE TACHOS DEVEM SER COLOCADOS COM MAIOR SECRETISMO)
  • FELICIANO BARREIRAS DUARTE 
  • JOÃO GONÇALVES 
  • FILHO DE CARLOS BEATO 
  • CAROLINA ALMEIDA
    E AGORA RIA-SE UM POUCO COM AS CIRCUNSTANCIAS DÚBIAS E CÓMICAS QUE ENVOLVERAM OS JOBS FOR THIS BOYS.
    O do cargo inventado
    "Feliciano Barreiras Duarte, que foi avançado como braço-direito de Passos Coelho durante muito tempo, tinha de entrar para o Governo. Como já não havia lugar - até porque vários lugares tiveram de ser entregues ao CDS -, então inventou-se o cargo de Secretário de Estado Adjunto do Ministro Adjunto e dos Assuntos parlamentares. " FONTE

    10 julho, 2011

    Socrates, nas calmas vai estudar.

    Maravilha!!!!!!!  ... um ministro deixar este rasto de destruição para trás e ir deleitar-se a estudar filosofia em Paris. Como qualquer milionário que se preze e a quem o futuro já não preocupa, dedica-se finalmente ao desenvolvimento espiritual, podíamos inclusive assistir a um retiro em direcção ao Tibete!!!
    Até os barões da droga e das armas tem mais pudor. Tantos escândalos e abusos de poder e ninguém fica para pagar ou até mesmo para juntar os destroços.
    "E que tal criminalizar os responsáveis dos Organismos Públicos, por ultrapassarem os respectivos orçamentos ??
    É tão simples. Vão para a rua (perdem o lugar) e de seguida respondem em tribunal.
    Simples, eficaz e sem custos adicionais."
    Era bom pois mas nas repúblicas das bananas não é aplicável.
    Esta passagem pelo poder de todos os que conduzem o país para o caos, apenas serve para garantir aos que lá passam, um futuro inabalável e promissor à frente de qualquer cargo muito bem pago. A IMPUNIDADE não é para todos!!!!! Mas lixa-nos a todos...


    09 julho, 2011

    Cavaco Silva está inocente? Calado faz melhor figura?


    corrupção portugal apodrecetuga Nunca devemos esquecer que Cavaco Silva e a filha são dois beneficiários directos do BPN e nós vamos ter que pagar por isso por muito tempo.
    Todos os esquemas que dão lucro aos políticos, lembrem-se... Dão prejuízo ao povo.
    Nestes vídeos resumem-se alguns dos esquemas onde Cavaco Silva esteve envolvido.
    Verdade ou não... deixemos que as coincidências o digam. Assista a estes vídeos e acorde...


    CAVACO SILVA GARANTE QUE É MUITO HONESTO E NÃO QUER QUE NINGUÉM FIQUE IMPUNE, PELO MAL QUE FIZER A PORTUGAL



    CAVACO SILVA É UMA ANEDOTA... VEJA A FORMA COMO ELE FOGE ÁS RESPONSABILIDADES, COM DESPREZO PELO CIDADÃO QUE REPRESENTA.NÃO COMENTA, NÃO RESPONDE...


    MAIS VIDEOS...  CAVACO E O BPN
    CAVACO E A CASA DE PRAIA

    A história de um país que vive para pagar auto estradas. Miguel Sousa Tavares



    MIGUEL SOUSA TAVARES EM DIALOGO COM ESPANHA
    A incompetência de quem nos gere apenas para oferecer negócios aos amigos do costume. Este artigo ilustra bem ao ponto a que são capazes de chegar, fabricando estradas vazias, validadas em estatísticas falsas, para levar o governo a aprovar a sua construção e a financiar a sua construção. Resultado, depois de construídas descobre-se que as estatísticas eram falsas e que não há carros para pagar a autoestrada, por isso o estado para além de ajudar a financiar as PPP ainda tem que pagar prejuízos e garantir lucros...

    Vale a pena ler a ironia, um texto imperdivel... 
    (Depois não perca aqui o relatório, sobre quem é que anda a roubar nas PPP, e como)
     "Segunda-feira passada, a meio da tarde, faço a A-6, em direcção a Espanha e na companhia de uma amiga estrangeira; quarta-feira de manhã, refaço o mesmo percurso, em sentido inverso, rumo a Lisboa. Tanto para lá como para cá, é uma auto-estrada luxuosa e fantasma. Em contrapartida, numa breve incursão pela estrada nacional, entre Arraiolos e Borba, vamos encontrar um trânsito cerrado, composto esmagadoramente por camiões de mercadorias espanhóis. Vinda de um país onde as auto-estradas estão sempre cheias, ela está espantada com o que vê:
    - É sempre assim, esta auto-estrada?
    - Assim, como?
    - Deserta, magnífica, sem trânsito?
    - É, é sempre assim.
    - Todos os dias?
    - Todos, menos ao domingo, que sempre tem mais gente.
    - Mas, se não há trânsito, porque a fizeram?
    - Porque havia dinheiro para gastar dos Fundos Europeus, e porque diziam que o desenvolvimento era isto.
    - E têm mais auto-estradas destas?
    - Várias e ainda temos outras em construção: só de Lisboa para o Porto, vamos ficar com três. Entre S. Paulo e o Rio de Janeiro, por exemplo, não há nenhuma: só uns quilómetros à saída de S. Paulo e outros à chegada ao Rio. Nós vamos ter três entre o Porto e Lisboa: é a aposta no automóvel, na poupança de energia, nos acordos de Quioto, etc. - respondi, rindo-me.
    - E, já agora, porque é que a auto-estrada está deserta e a estrada nacional está cheia de camiões?
    - Porque assim não pagam portagem.
    - E porque são quase todos espanhóis?
    - Vêm trazer-nos comida.
    - Mas vocês não têm agricultura?
    - Não: a Europa paga-nos para não ter. E os nossos agricultores dizem que produzir não é rentável.
    - Mas para os espanhóis é?
    - Pelos vistos...

    É mais facil roubar o povo que cobrar renda aos amigos.

    Quem quer alugar um palácio por 2 euros???
    Se soubessem gerir o 
    património do estado e rentabiliza-lo.


    "Lisboagate'.
    Na sequência do processo de alegados favorecimentos na atribuição de casas em Lisboa, António Costa revelou aos vereadores o património da autarquia. Onde há 16 palácios, com inquilinos que pagam rendas de amigo
    A Câmara de Lisboa tem 16 palácios históricos, com milhares de metros quadrados arrendados, por quantias quase simbólicas a 101 particulares, empresas e instituições. (...) os palácios Alarcão, Benegazil, Braamcamp, Cabral, da Folgosa, da Mitra, dos Condes de Figueiró, Monte Real, Relvas, Ulrich, São Cristóvão, Banhos de São Paulo, dos Távoras, Marim Olhão, Pancas Palha e o Convento das Bernardas.
    Entre os inquilinos destes palácios, que pertenceram a famílias nobres portuguesas e que são hoje em dia parte do património disperso da CML, estão instituições como a Polícia de Segurança Pública, que não paga renda pela ocupação do Palácio da Folgosa, a Santa Casa da Misericórdia, que está no Palácio Monte Real, e não paga também nem um cêntimo. A Associação Nacional de Freguesias está no Palácio da Mitra, arrendado por 350 euros, o preço de um quarto em Lisboa. O Clube TAP Air Portugal está no Palácio Benegazil, onde paga 531,70 euros, e a Confederação do Turismo Português ocupa o Palácio Pancas Palha, onde paga 664,35 euros, ou seja o preço de um T1 ou T2 numa zona menos nobre da cidade.

    Mas os institutos também têm direito a preços de amigo. O Instituto de Estudos Estratégicos Internacionais paga 72,30 euros pelo Palácio de São Cristóvão, onde está ainda o Gabinete Português de Estudos Humanísticos, que paga a módica quantia de 53,46 euros. A Associação de Arquitectos Portugueses está no Palacete dos Banhos de São Paulo a custo zero.
    A maior leiloeira portuguesa ocupa centenas de metros quadrados no Palácio Marim Olhão, na Calçada do Combro, e paga de arrendamento o que muitas famílias pagam por um T3: 1.100,32 euros por uma das fracções. Uma firma de fixações, parafusos e outros metais chamada Pecol está no Palácio Alarcão, onde aluga duas fracções. Uma por 57,07 euros e outra por 62 euros. Um caso pouco exemplar é o do Palácio dos Távoras, na Mouraria, onde estão dezenas de inquilinos, com rendas que vão desde os 2,22 euros aos 58,89 euros.

    Mas os ateliers de artistas são outros dos pratos fortes da lista que António Costa deu aos vereadores. Artistas de renome nacional e internacional têm arrendados à CML ateliers por dezenas de euros, contrastando com as centenas, e na maior parte dos casos, milhares de euros que rendem as suas obras. Gracinda Candeias, Teresa Magalhães, Eurico Gonçalves, Luís Filipe Abreu, Henrique Ruivo, Victor Belém, Isabel Laginhas, Inácio Matsinhe ou Lagoa Henriques são alguns dos beneficiados, na maior parte com arrendamentos que datam de 1990, mandato de Jorge Sampaio. Há um caso em que não há sequer lugar ao pagamento de renda. A artista Romy Castro "paga" zero de renda." FONTE

    08 julho, 2011

    António Nobre regressa ao seio familiar.

    Tal como ele disse, regressou onde se sentia melhor, Nobre senhor que tanto gosta de passar tempo em família e levou-a toda para o trabalho... E retira-se da politica para regressar onde se sente rei e senhor.
    Põe e dispõe sem que alguém se lhe oponha, pois fica tudo em família.
    Mas também teve em conta que a AMI é uma fundação humanitária, nunca poderia recusar ajuda aos seus.
    E voltou para o seu núcleo de influências de cabeça erguida como se nunca tivesse infringido nada. Como se tráfico de influências e uso de dinheiros públicos em beneficio próprio nunca tivesse ou pudesse ser crime...em Portugal . POIS e EM PORTUGAL NÃO É PELOS VISTOS
    - Nem moralmente ?
    - E atentado contra a ética ? Também não?
    - Atentar contra a moral?  ou democracia? Também não?

    07 julho, 2011

    210 mil para sair de um cargo na CP e 2 meses depois entrar noutro?

    Manuel Lopes Marques, ex-director-geral de exploração e conservação da Refer (Rede Ferroviária Nacional), recebeu em Junho de 2006 uma indemnização de 210 mil euros para sair daquela empresa do Grupo CP, e dois meses depois, em Outubro, ingressou na Rave (Rede Ferroviária de Alta Velocidade).
    Segundo o «Correio da Manhã», nesta última empresa, detida pela Refer e pertencente também ao Grupo CP, Manuel Lopes Marques trabalha como assessor do conselho de administração, tem um contrato até três anos e um salário mensal de 5.050 euros.
    Luís Pardal é o presidente de ambas as empresas: Refer e Rave. Despede-o de um lado talvez por o achar incompetente? Ou talvez para lhe oferecer uns milhares de euros?  2 meses depois achou que ele era competente, voltou a contratá-lo?
    O abuso do dinheiro público sem vergonha ou pudor.  Mas a impunidade permite muitos mais casos.

    Joaquim Barbosa, engenheiro de sinalização da Refer, rescindiu o contrato em 2004, numa altura em que o seu ordenado rondava os 5000,00 euros e recebeu uma indemnização de 120.000,00 euros. No final do ano, foi contratado de novo como consultor para assessorar o conselho de administração por cerca de 6000,00 euros mensais. fonte 

    Em 2005, esta empresa pública apresentou já um prejuízo de 160 milhões de euros.
    Todos sabemos os prejuízos anuais que a CP  ou a REFER apresentam na sua exploração, e habituámo-nos a pensar que isso é uma inevitabilidade. A empresa não é privatizável porque presta serviço púbico, muito abaixo do preço de custo. É uma questão de solidariedade social. Pensamos nós e impingem-nos os políticos... 
    Afinal o problema do prejuízo tem outras causas menos solidárias, os nossos impostos servem para pagar chorudas indemnizações em rescisões por mútuo acordo a funcionários que ganham muito acima da média nacional, e que depois voltam a ser contratados pela porta do cavalo, com ordenados ainda maiores e um punhado de milhares de euros extras. Prémios, bónus, aumentos, em época de prejuízo vale tudo... 

    06 julho, 2011

    Mais umas fugas obscuras do nosso pobre dinheiro.

    Paulo teixeira pinto desvios
    Foram disponibilizados 2,5 milhões de euros para obras em Pousadas, já foram pagos adiantados 900 mil euros ás empresas contratadas mas as obras ainda não começaram, ao fim de 5 meses ainda não havia nada feito.
    Estaremos nós perante mais um quadro típico onde os dinheiros que são pagos servem apenas para favorecer uns amigos e nunca para realizar nenhum trabalho? Como este caso.
    As empresas contratadas são também demasiado cúmplices e tem várias ligações para estarem metidas nesta confusão inocentemente pois são ambas do grupo Lena. (Onde andou o também polémico Paulo Teixeira Pinto das reformas milionárias e boy da EDP etc )
    O tribunal de contas já está a indagar... mas desde sempre que se ouve falar de suspeitas e de jogos obscuros, mas nunca de culpados e jogos esclarecidos.
    Foram 25 milhões de euros oferecidos, nos últimos anos a esta instituição, e a nós compete perguntar, quantos desses milhões percorreram o mesmo caminho que relata esta história?

    25 MILHÕES 
    "Nos últimos anos, a Movijovem construiu sete novas Pousadas num investimento superior a 25 milhões de euros", adiantou João Paulo Rebelo, presidente daquela entidade."
    NO ENTANTO...  
    "A Movijovem, fez pagamentos adiantados de quase 900 mil euros a nove empresas sem que estas iniciassem as obras contratadas para a reabilitação de várias pousadas.
    Monterg - Construções, do Grupo Lena, e a Autonomia - Recursos Renováveis – foram contempladas com contratos de valor superior a 300 mil euros.
    Decidida a manter a validade dos referidos contratos, a Movijovem entregou à Monterg, em Fevereiro deste ano, mais de 209 mil euros
    Porém, nenhuma dessas empreitadas teve ainda início e desconhece-se mesmo a data em que devem começar as obras."
    MOVIJOVEM E AS RELAÇÕES COM O GRUPO LENA
    "A relação da Movijovem com a Monterg, empresa do Grupo Lena, tem vários pontos de contacto. Desde logo, a Monterg, empresa responsável pelo isolamento térmico nas Pousadas da Juventude, e a Eco-Choise, consultora contratada pela Movijovem para escolher as firmas que deveriam ser contratadas, têm uma coisa em comum: a Monterg é detida pelo Grupo Lena e a Eco-Choise foi constituída, em 2007, com capitais do Grupo Lena." Fonte