17 outubro, 2012

Mais um roubo disfarçado. Alguém conhece o destino dos nossos impostos?

rendimento minimo ricos água aumento tarifas
Eles já não sabem o que inventar para ir ao bolso dos portugueses.
Inventaram uma nova desculpa - vão criar mais um imposto na factura da água, para ajudar os mais pobres???
É esta a vergonha do governo mesquinho que temos. Acreditam que se disfarçarem os impostos, de esmola aos pobrezinhos, os portugueses aceitam melhor? 

Claro que não...
Os portugueses estão fartos de pagar para ajudar os pobrezinhos, e cada vez há mais pobres. 
Os portugueses estão fartos de pagar para um sociedade mais justa e igualitária, e apenas se tem construído uma sociedade injusta e desigual.

"Portugal é o país da União Europeia, com excepção da Letónia e Lituânia, a ter maiores desigualdades na distribuição dos rendimentos das famílias, revela um estudo que vai ser apresentado em Lisboa. " fonte

Os portugueses estão cansados de pagar, SABENDO que o dinheiro tem servido para enriquecer corruptos, impunes e sem vergonha. 
O dinheiro dos impostos tem sido vitima de má gestão e incompetência.
Encontra-se disperso por esse mundo fora em offshores e investimentos, onde os saqueadores o conseguem ocultar e onde a justiça finge não os conseguir ver. 
Carlos Horta e Costa e Manuel Baptista ....etc, etc, etc...

Os portugueses pagaram anos e anos para a segurança social para poderem, ser eles próprios ajudados quando um dia fossem pobrezinhos, e sabem hoje, que talvez venham a ser pobres e sem ajuda.
Serviço Nacional de Saúde cada vez mais afastado dos carenciados.
Dinheiro das Reformas em risco, utilizado para tapar buracos de governos incompetentes e criminosos. 
Subsídios de desemprego cortados em valor e em tempo. 
Subsídios de invalidez cortados e retirados a muitos deficientes, incapacitados e carenciados.

Enquanto isso, os políticos e ex politicos exibem ofensivamente fortunas de origem desconhecida. Oferecem a eles próprios reformas milionárias e precoces, recebendo desde os 40 anos valores muito acima do suportável, por quem paga impostos. 
Recebem regalias e mais regalias a somar aos salários chorudos. 
E esbanjam ... destroem erário público por incompetência, por favores, gestão danosa e criminosa. 
E quando o dinheiro escasseia vão de novo ao bolso dos portugueses. 
Já a Madeira é beneficiária de uma taxa que todos pagamos, a mais na, EDP. E que eles madeirenses pagam a menos, e ainda recebem os milhões recolhidos pela taxa que nos cobram dissimuladamente na factura da EDP. Mais uma vez para ajudar os pobres? Será a Madeira pobre? Ou apenas gerida em regabofe?

E eis que para fazer face a todos os abusos acima citados, o governo decide criar mais um imposto, tentando convencer os contribuintes que se trata de uma esmola aos pobres. Quanto nos vais custar a esmola e que parte dela irá beneficiar pobres?Saberemos?
"Governo quer criar tarifa social no preço da água. Durante uma cerimónia para assinalar o Dia Nacional da Água, que se comemora hoje, a ministra da Agricultura, salientou a necessidade de introduzir benefícios sociais na água, no seguimento de uma medida da EPAL para atribuir um desconto a famílias carenciadas de Lisboa.
A ministra considerou ser importante em altura de crise «acomodar as situações de maior dificuldade», tendo uma «sensibilidade social nas tarifas», uma vez que a água «é um bem imprescindível» e que «as pessoas não podem deixar de ter água de qualidade nas suas casas». Lusa/SOL

12 comentários :

  1. http://economico.sapo.pt/noticias/cortes-na-despesa-onde-no-sns-ou-na-seguranca-social_154180.html

    Isto é moralmente desonesto! Despesa não é só SNS, segurança social ou educação!

    Isto é uma tentativa desonesta de justificar o assalto aos impostos dos portugueses! "Ou ficam sem rendimentos, ou ficam sem educação e saúde".

    Vou mais longe, isto é CHANTAGEM! Isto é ser vil e demoníaco perante pessoas que vivem do seu trabalho e sustentam os luxos desta canalha!

    O povo não pode ser consultado? Quem paga os seus impostos não pode ser ouvido? Olhe que no povo há muitas sugestões para cortar na despesa! Desde as PPPs, até às regalias de políticos e ex políticos, até organismos sem utilidade pública que não passam de poleiros para boys, há muita gordura para cortar!

    Não queiram fazer crer que as "gorduras" são a saúde e a educação...não sabem onde se estão a meter a fazer isso...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A desumanização caótica dos serviços sociais, perpetrada pelo actual governo já começa a fazer-se sentir e da forma mais cruel... Paga-se com a vida, com a dor e a perda de dignidade.
      O governo sempre hasteou a bandeira dos cortes colossais...
      Garantiu ao povo, que iria realizar cortes históricos na despesa pública...
      Mal sabíamos nós...ingénuos, a ameaça que esta promessa ocultava.
      Ingénuos fomos levados a acreditar que eles se referiam a cortes na despesa pública, respeitantes aos luxos e mordomias da classe politica e dos gestores públicos.
      Ingénuos acreditamos que eles iam abdicar dos carros de luxo, das ajudas de custo colossais, das reformas acumuladas, precoces e desproporcionadas, dos boys, das fundações e instituições despesistas e inúteis, do financiamento dos partidos, do financiamento das campanhas, dos salários colossais e acima da média da Europa, etc etc...
      Ingénuos, os portugueses vêem-se agora confrontados com os tais cortes históricos, mas aos já curtos direitos do povo, colocando em perigo a sua vida, a sua saúde, a sua dignidade, a sua educação, a sua reforma e outros mais direitos adquiridos, por muitas e muitas décadas a pagar impostos.
      Neste video, entenda o impacto que as medidas mesquinhas, cegas e cruéis dos nossos ministros, tiveram, na já de si, triste e dorida vida dos pobres e doentes... Matar ou deixar morrer, é crime!!


      Acesse ao Artigo completo: http://apodrecetuga.blogspot.com/2012/01/o-governo-aperta-o-cerco-descobriu.html#ixzz29YUOguYs

      Eliminar
    2. Muito se discute nas sedes dos partidos, na blogosfera e há até uma certa agitação na rua.

      O que é certo é que tudo continua na mesma...

      E quando houver eleições vão votar nos mesmos ou em branco ou abster-se.

      E tudo vai continuar na mesma.

      Povo iletrado, ignorante e mesquinho!

      Eliminar
  2. «16 milhões de euros em subvenções politico-partidárias»

    ahahahah Estás a brincar com isto!

    -> Não falas dos 9 MIL MILHÕES de euros!?!?!

    Blog POLITEIA: «E a primeira alternativa que temos de pôr em prática é a erradicação da OBSCENA VERBA de mais de 9 mil milhões de euros - que está inscrita no Orçamento de Estado - para pagar o serviço da dívida... tem de ser substituída por uma verba incomparavelmente menor.»
    .
    UM CAOS ORGANIZADOS POR ALGUNS:
    - quem falou que a dívida estava a crescer demasiado (ex: Manuela Ferreira Leite) foi enxovalhado pelos Media (nota: são controlados pela superclasse)... e os Media deram amplo destaque a marionetas/bandalhos: «há mais vida para além do deficit»;
    - há cortes no Estado Social... mas ficam incólumes as PPP's, os juros agiotas, a nacionalização de negócios 'maddofianos' (nacionalização de prejuízos, privatização de lucros)...
    - eurobonds e implosão das soberanias...
    --->>> Dividir/dissolver Identidades para reinar...
    .
    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global, e suas corporações) não só pretende conduzir os países à IMPLOSÃO da sua Identidade... como também... pretende conduzir os países à IMPLOSÃO económica/financeira.
    -> Só não vê quem não quer: está na forja um caos organizado por alguns - a superclasse: uma nova ordem a seguir ao caos... a superclasse ambiciona um neo-feudalismo.
    .
    .
    .
    Anexo:
    Precisamos de Manifestações à Islândia - a revolução censurada pelos Media, mas vitoriosa!
    .
    Resumo (tudo pacificamente):
    - RENEGOCIAÇÃO DA DÍVIDA;
    - Referendo, de modo a que o povo se pronuncie sobre as decisões económicas fundamentais;
    [uma sugestão: blog «fim-da-cidadania-infantil»]
    - Prisão de responsáveis pela crise;
    - Reescrita da Constituição pelos cidadãos.
    {Obs: Os políticos e os partidos políticos vão ter que se aguentar... leia-se, têm de passar a ser muito mais controlados pelos cidadãos... consultar o know-how islandês poderá ser muito útil: deve-se icentivar atitudes de participação cívica... que não sejam... gritar com megafones, derrubar barreiras policiais, etc}

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo com muito do que afirma, mas não se pode transferir o modelos islandês tal como é. A Islândia tem apenas 320 000 habitantes (aproximadamente) e Portugal cerca de 10 000 000.

      A auscultação da população terá de assentar num modelo idêntico ao da Suíça que referenda as principais decisões. Desde a compra de um novo caça até decisões políticas e económicas de grande alcance, tudo é escrutinado pela população.

      Saudações

      Eliminar
    2. Claro que falo dos juros de 9 mil milhões, noutro artigo ....
      GRANDE HOMEM E CIDADÃO, DAS POUCAS FIGURAS PÚBLICAS QUE SE INSURGE CONTRA A CORJA QUE ARRUÍNA PORTUGAL... COM TODA A TRANQUILIDADE EI-LO NESTE VÍDEO A CONVIDAR OS CORRUPTOS A TEREM VERGONHA ... PAULO MORAIS MERECIA MAIS ATENÇÃO... E OS PORTUGUESES MERECIAM UM PAULO MORAIS.

      (aos 41 minutos do vídeo, grande momento de Paulo Morais)
      OS PROBLEMAS MAIS GRAVES QUE AFECTAM OS PORTUGUESES
      - pontos em destaque neste vídeo.
      - Em Portugal, o estado, gasta por ano, cerca de 80 mil milhões de euros, o orçamento está completamente descompensado. Pois os juros da dívida pública representam a maior despesa do estado, 9 mil milhões, situação que deveria ser inaceitável e que o governo deveria renegociar urgentemente e de forma justa para os portugueses, pois existem alternativas que favorecem menos a banca, mas favorecem o estado português.

      Acesse ao Artigo completo: http://apodrecetuga.blogspot.com/2012/08/paulo-morais-convida-os-corruptos-terem.html#ixzz29ZID1EiX

      FALO DA ISLÂNDIA... mas o que mudou E FEZ TODA A DIFERENÇA, Na Islândia foi a sorte de terem encontrado um politico que fez frente aos políticos corruptos à banca e a todos os interesses instalados... ONDE É QUE EM PORTUGAL IRÍAMOS ENCONTRAR ALGUÉM ASSIM???

      À semelhança de Portugal também a Islândia teve um caso ao estilo BPN.
      Créditos ao desbarato para os amigos. Empréstimos sem garantias. Todos os envolvidos estavam ricos. O governo não cumpria o seu papel, permitindo que a situação atingisse o ponto de ruptura. Tal como em Portugal, era o regabofe.
      Contudo ao contrário de Portugal estes senhores, julgando-se intocáveis e crendo que o estado iria assumir todas as suas asneiras, depararam-se com um governo justo e integro, que os obrigou a "pagar" pelo que fizeram.
      Vejamos nos vários pontos, em baixo, as diferenças entre a postura do governo e povo Português e do Islandês, e percebemos que a profundidade da injustiça e corrupção, em Portugal, tem uma dimensão maior que a que julgávamos.
      Pior ainda, percebemos que oferecer as dividas de um banco saqueado por políticos, a um povo inocente, não era a única opção mas sim a mais conveniente aos saqueadores.

      Acesse ao Artigo completo: http://apodrecetuga.blogspot.com/2011/10/islandia-foi-saqueada-como-portugal-mas.html#ixzz29ZIxKxpn

      Eliminar


    3. Referiu um ponto fundamental: Nova constuitição referendada pelo Povo!
      Esta, foi prostituída pelos 50 indivíduos que manobram o sistema!

      Eliminar
  3. «num modelo idêntico ao da Suíça»

    -> Poderá ser... agora uma coisa é certa: deverá existir uma reescrita da Constituição pelos cidadãos... para que os políticos passem a ser MUITO MAIS CONTROLADOS pelos cidadãos.

    ResponderEliminar
  4. Respostas
    1. Caro Menvp, gostaria de lhe pedir ajuda nesta minha dúvida técnica... Como é que consegue colocar o texto dos comentários com links activos e com bold etc?
      Por vezes para responder a comentários preciso de colocar links, mas não consigo colocar activos. Se me puder dar umas dicas, facilitava-me a vida a mim e ás informações que divulgo.

      Eliminar
  5. «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/"»fim-da-cidadania-infantil«/a»

    «strong»reescrita da Constituição pelos cidadãos«/strong»


    O itálico é «em»...«/em»


    Substitua « por <
    Substitua » por >
    (se eu tivesse colocado > e < não conseguia ver)


    Experimente.
    [não percebo nada de informática mas um gajo ensinou-me isto]

    ResponderEliminar
  6. BASTAVA O POVO SABER COMO SE VOTA CONTRA OS PARTIDOS CORRUPTOS E PORTUGAL SERIA LIMPO DA CORRUPÇÃO. VOTEM EM PARTIDOS SEM ASSENTO PARLAMENTAR SÓ ISSO TEM VALOR E PUNE OS PARTIDOS CORRUPTOS. Nos paises menos corruptos do mundo a democracia funciona porque as pessoas sabem votar e usam o voto, 90% votam... aqui só temos eleitores ignorantes por isso quem não funciona são os eleitores e não a democracia.
    A abstenção afinal obtém um resultado contrário, ao que pretendem os abstencionistas
    Por isso, o que me chateia na vossa abstenção é a falta de colaboração num trabalho importante. Não é uma questão de direitos ou deveres cívicos em abstracto. O problema é concreto. Temos uma tarefa difícil, da qual depende o nosso futuro, e vocês ficam encostados sem fazer nada.
    Isto tem consequências graves para a democracia. Quando a maioria não quer saber das propostas dos partidos, está-se nas tintas para o desempenho dos candidatos e nem se importa se cumprem os programas ou não, o melhor que os partidos podem fazer para conquistar votos é dar espectáculo. Insultarem-se para aparecerem mais tempo na televisão mentirem para agradar. Vocês dizem que se abstêm porque a política é uma palhaçada mas a política é uma palhaçada porque vocês não votam. Vocês não exercem o vosso dever de votar contra quem faz mal ao país. O vosso de dever e direito de punir os que lesam o país nas urnas.
    A culpa é vossa porque não é preciso muita gente votar em palhaços para os palhaços ganharem. Basta que a maioria não vote.. Basta abanar o pano da cor certa e, se mais ninguém vota, eles ficam na maioria. Mas se vocês colaborassem e se dessem ao trabalho de avaliar as propostas, julgar e punir os partidos que há 40 anos destroem o teu país, se os responsabilizassem pelas promessas que fazem e votassem contra os que mentiram, deixava de haver palhaços, interesseiros e imbecis na política.
    MAIS ARTIGOS SOBRE CIDADANIA E EDUCAÇÃO CIVICA, NESTE LINK, APRENDA A VIVER EM DEMOCRACIA SE QUER QUE ELA FUNCIONE::.. INFORME-SE VEJA ESTE LINK
    http://apodrecetuga.blogspot.pt/2015/10/percebam-que-abstencao-afinal-obtem-um.html#.WM_ogfmLTIU

    ResponderEliminar