25 setembro, 2013

A solução é votar na alternativa? Os independentes? Branquear cadastros dos partidos?




Quando os lobos vestem a pele de cordeiros.
Neste video desmascara-se a, mal disfarçada dependência dos independentes que se candidatam ás autárquicas.
Descubra os laços que unem os dependentes que se declaram independentes, apenas para se libertarem da má fama que ensombra os partidos a que pertencem e que representam, mas em segredo... por isso não diga nada a ninguém, vamos fingir que são independentes e honestos e que nada têm a ver com os corruptos que nos desgovernam há 3 décadas.

Há alternativas? 
Talvez os que nunca lá estiveram?
Porque se desunham estes senhores, aperaltados de fato e gravata, andando pelas ruas, feiras e romarias a pedir votos? Será o desemprego? O amor aos tachos? Amor ao poder e dinheiro público? Paixão por servir o país?
Verdadeiras madres Teresas que imploram para que as deixem ir praticar o bem para um poleiro público?
O bem que eles praticarão é uma realidade... irão ser bondosos, generosos e brilhantes a gerir o dinheiro público e o poder público, mas em beneficio privado e dos privados.

Mais uma vez  se repete o velho truque dos políticos, que resulta sempre... dividir para reinar. Fingir que existem alternativas. Atrair carneiros ao matadouro.
Os eleitores ficam assim indecisos entre votar no PSD ou no PS ou então nos independentes que trabalham para o PSD e o PS. No final ganham os de sempre... e os portugueses, mais uma vez são tratados como verdadeiros atrasados mentais... enganados e manipulados por políticos que demonstram acima de tudo falta de respeito pela verdade, pela lealdade... gente sem moral e sem ética, sem vergonha de enganar e mentir para alcançar o poder e o dinheiro alheio.

Há alternativas? 
- Justiça é protegida no cortes de subsídios?
1º - Os reformados da justiça vão ser poupados aos cortes exigidos aos reformados de Portugal?
2º - Isto é estranho e mais estranho fica quando por detrás desta aprovação, esteve uma proposta do PCP!? ARTIGO COMPLETO
- "Extinção das fundações aprovada -
A maioria PSD/CDS-PP aprovou hoje na generalidade a proposta de lei para a extinção preventiva das fundações públicas, com os votos contra do PS e a abstenção do PCP, BE e PEV." Fonte 
- O PCP votou a favor de que fosse dada autorização à CGD para financiar o BPN sem limite e com o aval do Estado. Artigo completo
E muitos mais exemplos haveria... alternativas é que há poucas.

E é aqui que os eleitores falham.
Os eleitores não usam o voto para lutar contra o pior que há na politica, os eleitores abstém-se ou desperdiçam o voto em punições ilusórias. Quando os bons se calam os maus avançam, quando não há punição, não há medo...
Quando não há medo, roubam-nos tudo, até a capacidade de nos defendermos.
O voto democrático poderia travar e punir os criminosos.
Vamos tomar o voto a nosso favor e votar contra os que corrompem o sistema. Vamos finalmente votar e deixar-nos de mentiras e crenças falsas de que o voto nulo, branco ou abstenção, possuem algum poder ou valor.
Os corruptos fazem tudo para levar os eleitores a acreditar que a abstenção e o voto nulo e branco, possuem um valor sentimental muito grande e poderoso... Pois mas esse valor, é apenas o que o eleitor vê, porque na realidade não possuem valor nenhum. Serve apenas para desviar e desperdiçar milhões de votos que poderiam ser usados contra eles, que são desviados para o vazio. Para a nulidade.
Está bem explicito na lei que apenas os votos válidos possuem valor e legitimam aquele que tiver mais votos válidos, independentemente dos brancos, dos nulos, da abstenção e dos que os eleitores rabiscam com piadinhas de ódio ou de descontentamento...
Para os políticos corruptos, enquanto o povo estiver entretido a manifestar o seu descontentamento de forma inócua, e inofensiva, eles estão tranquilos a ganhar eleições sem qualquer luta ou esforço, bastam os militantes e amigos votarem, que o poleiro está garantido... nada nem ninguém se opõe. Os eleitores continuam a brincar ás revoltinhas ilusórias pensando que estão a punir os políticos com votos nulos e com a abstenção...
Votem contra, não deixem de participar e fazer justiça nas urnas. Só com o julgamento e a punição se eliminam os criminosos/ maus políticos e se apoiam os bons. Chegamos a um ponto em que os bons já nem se atrevem a disputar as eleições, porque perceberam que a injustiça e inércia do povo, não os compensa na luta, não os valia nem julga correctamente.
  1. Mentirosos sem escrúpulos 
  2. Há alternativas, vamos punir a classe de corruptos
  3. Candidatos loucos pelo poleiro
  4. Militantes aderem aos corruptos, a jorros?
  5. A anedota de quem sem competência ou juízo se oferece para nos governar
  6. Os autarcas habilidosos
  7. Ainda não basta de teatro? Ainda não perceberam?
  8. Governados por parasitas e charlatões
  9. A lista dos grande feitos políticos em Portugal
  10. A lista de como e quem nos desgoverna
  11. Até os ratos já perceberam, o embuste
  12. Um exemplo da razão porque todos querem o poleiro desesperadamente
  13. Isaltino Morais, continua a fazer estragos, nos impostos
  14. Veja ainda esta compilação de vídeos sobre a desonestidade das campanhas.

9 comentários :

  1. http://youtu.be/iooV2JVtKCY. Ver por favor Solutions: Overcoming Stockholm Syndrome.
    Concordo totalmente com o que Voz refere, junto este link que ajuda a "explicar" um pouco porque é que as pessoas continuam a votar em quem lhes faz mal. Interessante este e outros episódios...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito interessante realmente o síndroma de Estokolmo bem presente na sociedade (global) bem descrito no vídeo.
      Obrigado pela partilha. Ajuda a perceber muita coisa que está a acontecer.

      Eliminar
  2. Eu não voto. Ponto final!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AFIRMAR QUE NÃO VOTA PORQUE A DEMOCRACIA ESTÁ DOENTE É O MESMO QUE UM DOENTE DIZER QUE SÓ VAI AO MÉDICO DEPOIS DE A DOENÇA SE CURAR::::
      A LUTA COM SANGUE E REVOLTA SÃO DESNECESSÁRIAS nas democracias modernas e com eleitores activos E CÍVICOS. O VOTO está nas nossas mãos, votemos contra a corrupção, o voto não serve apenas para votar a favor de politicas mas também para votar contra, mesmo que não possua um partido que queira escolher, votemos contra os que não quer que sejam escolhidos. Basta de nulos brancos e abstenção, usem o voto para salvar o país da corrupção. NÃO DESPERDICEM MAIS VOTOS, usem o voto para punir os piores nas urnas, basta de impunidade

      Eliminar
  3. A alguém que saiba, gostaria me informassem se é verdade que um individuo foi condenado em tribunal, por ter mandado o presidente da republica ir trabalhar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. http://www.youtube.com/watch?v=MXc3CVvtOMY

      Eliminar
  4. Cara Sra. Zita!
    Tropecei por acaso no seu blog e devo começar por lhe dar os parabéns. O que faz aqui é um verdadeiro serviço público, nem quero imaginar as horas que perde para disponibilizar esta informação. Mas como se costuma dizer: “Quem corre por gosto não cansa!”

    A propósito do seu texto, e do pouco que li, ainda, no seu blog, fico com a sensação que está completamente desiludida com este sistema “democrático”.

    Percebo bem o que sente, e não é a única. Eu também estou farto desta cleptocracia partidária, que se diz “democrática”, e destes chamados “independentes”.

    Espero que não leve a mal a minha impertinência, mas preciso fazer dois reparos ao seu post.

    Em primeiro lugar, nem todos os políticos, sejam eles filiados em partidos (ou não), são criminosos ou candidatos a criminosos. Existe muita gente séria na política, o problema é que uma minoria tem manchado a credibilidade dos restantes. Imagino que o seu blog seja o seu “desabafo” para com o estado do país, mas não pode cair na tentação de generalizar, mesmo que não tenha sido essa a sua intenção.

    Em segundo lugar não acho bem chamar “poleiro” a um cargo no Estado. Porque o Estado representa o Povo, para o bem ou para o mal. E iria até mais longe: O Estado é a personificação da vontade do Povo (pelo menos em teoria), e como tal, as instituições políticas devem merecer o nosso maior respeito.
    Aqueles que devem ser alvo da nossa denúncia e crítica são, os que usando de privilégios concedidos pelos cargos que desempenham, os usam em benefício próprio e dos seus benfeitores.
    Caso contrário, se todos começarmos a olhar para o Estado como um simples bando de mafiosos, eles ganham!
    Hoje em dia, fazer serviço público passou a ser cadastro. Isso, porque se está a generalizar a ideia de que todos os políticos são corruptos. Eu não posso aceitar essa ideia, e imagino que não seja esse o seu pensamento.
    Eu quero gente honesta na política, e para isso é necessário restaurar a credibilidade do Povo no Estado. E isso só pode ser feito com a intervenção de todos.
    Através da luta nas ruas e nas redes sociais, é preciso lutar contra este “regime” que domina o Estado, e construir um novo que sirva os eleitores e o Povo. Esse “regime” não pode ser construído se o povo continuar a trivializar o processo democrático e a desprestigiar os seus governantes.
    No entanto, não sei que “regime” será melhor que o que temos agora. Mas, acredito que a democracia participativa seja o próximo passo evolucionário no sentido da verdadeira democracia, essa eterna miragem!
    Enquanto as coisas não mudarem, com “independentes” ou sem eles, vou continuar a manifestar o meu repúdio a esta cleptocracia, votado em branco no dia 29. Já sei que, infelizmente, vou ser uma pequena minoria, porque a maioria que podia fazer a diferença vai-se abster como de costume, legitimando passivamente este regime. Mas essa é uma discussão para outra altura.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo, aprecio as suas palavras de apoio e recebo as criticas de forma positiva... no entanto eu recorro a termos mais populares, primeiro pq escrevo muito rápido e muito, e depois porque sempre tentei escrever de forma ter um conteúdo apropriado para aqueles que não gostam de teorias longas e maçudas sobre a politica....
      Concordo com as suas palavras ....

      https://www.youtube.com/watch?v=LWEoZljcPSk&index=28&list=PLPAKyd_5x-2vbg-TbFmDB_QuqcZyVwDSz

      Eliminar
    2. Devo reconhecer que a forma como escreve e pensa é muito importante para este blog... se quiser escrever um texto simples e não muito longo sobre a inutilidade da abstenção e a utilidade do voto contra, agradecia o seu contributo.
      No entanto devo recordar-lhe que também o voto em branco é uma forma de passividade. Apenas os votos expressos ou válidos possuem significado ou valor, tudo o resto possui um valor ilusório que as pessoas tendem a atribui-lhe baseado em crenças pessoais ou desinformação. http://apodrecetuga.blogspot.pt/2012/11/o-poder-do-voto-voto-em-branco-e-nulo.html#.VMFHcv6sVws

      Eliminar