OCDE confirma, Portugal é um país pobre, devido à corrupção.


PORTUGAL ESTÁ DESTRUÍDO PELOS EFEITOS DEVASTADORES DA CORRUPÇÃO


Pela corrupção do PS... ou será do PSD? Talvez do CDS... é difícil decidir, afinal ela nunca parou e continua a crescer. 
Segundo os portugueses o ps, o psd e o cds, não são corruptos, são sempre os preferidos.
Os portugueses, pelo menos um milhão deles vota sempre PS, PSD ou CDS, e os outros 7 MILHÕES ficam em casa, e não votam contra eles, e por isso estes partidos, há mais de 30 anos destroem e roubam Portugal aos olhos de todos, que só sabem reclamar e não entendem que tem que votar para isto mudar. 70% dos portugueses não vota válido e esse é o único voto que pode correr com os partidos mais corruptos do país que nos desgovernam e roubam há 3 décadas.
Portanto eis-nos perante um enigma.. seremos burros cegos e obtusos e votamos em corruptos? OU nem votamos em nada e eles ganham só com meia dúzia de votos dos amigos fanáticos?
Ou a OCDE é mentirosa e somos um país rico e honesto? Ou o índice de Transparência Internacional é que é corrupto e divulga dados falsos quando afirma que Portugal foi o país do mundo, que em 10 anos, mais agravou a corrupção?

continuem a enriquecer corruptos e a destruir Portugal, votando nos partidos com cadastrados, ou NÃO VOTANDO CONTRA ELES, QUE VAI DAR AO MESMO, porque não votar dá poder e lugares na assembleia, aos que ganharem as eleições. Por isso ao não votar, estás a votar sempre PS PSD CDS E restantes ladrões que tem assento na assembleia há décadas e nada fazem. 

Scuticídio 
"Só a nacionalização das PPP rodoviárias pelo seu justo valor evitará o total descalabro das finanças públicas.
As parcerias público-privadas (PPP) rodoviárias custaram até hoje largos milhares de milhões, acarretam compromissos anuais incomportáveis e configuram o suicídio, a prazo, das finanças públicas nacionais.
Tornaram-se um investimento calamitoso porque, para além do enorme esforço que representam para o país, são agora inúteis, estão vazias. Face ao elevado custo das suas portagens, tornaram-se inacessíveis aos cidadãos e às empresas. Já não cumprem minimamente os objetivos que levaram à sua construção: aproximar a periferia das áreas metropolitanas e disseminar investimentos produtivos pelo território.
Os terrenos disponibilizados para a construção das autoestradas representaram um custo muito significativo, tendo sido bem mais caros do que inicialmente previsto. Porque em muitos casos, e de forma criminosa, autarcas atribuíram capacidade construtiva aos terrenos, concedendo mais-valias milionárias aos seus proprietários, imediatamente antes de estes serem expropriados.

Acresce que estas operações mafiosas provocaram enormes atrasos na entrega dos terrenos aos consórcios construtores e até alterações no traçado das vias, levando ao pagamento de indemnizações de milhares de milhões de euros. Só em 2011 (últimas contas conhecidas) foram seiscentos milhões de euros!
Desde que entraram em funcionamento as ex-SCUT, os seus custos de exploração têm vindo a agravar-se exponencialmente.
O modelo de negócio é ruinoso: o volume das rendas a pagar anualmente pelo estado é independente do tráfego e os concessionários têm garantidas rentabilidades superiores a vinte por cento, a troco de um risco… zero. A estas rendas ainda se somam anualmente escandalosos prémios pela redução de sinistralidade.
Quando esta diminui, as compensações são gigantescas, apesar de as multas aplicadas ao aumento de acidentes serem ridiculamente baixas.
Aqui chegados, só a nacionalização das PPP rodoviárias pelo seu justo valor evitará o total descalabro das finanças públicas. E só a eliminação das portagens dará sentido à existência destas autoestradas, que hoje mais parecem desertos." Paulo Morais 


Mais vídeos sobre a corrupção
  1. O resgate da Troika está a ser utilizado de forma corrupta.
  2. Os políticos que favoreceram as PPP, trabalham agora nas PPP?
  3. Ser corrupto em Portugal é o melhor estatuto
  4. A banca existe para agilizar transferências de dinheiro público para os privados.
  5. A corrupção atravessa todos os governos
  6. As sociedades secretas, antros de corrupção?
  7. Cavaco Silva e as acções na SLN
  8. A ASAE e as fundações em flagrante delito 
  9. A justiça ao serviço da corrupção. Onde se cozinham os contratos lesivos do estado, (PPP, swap, etc)  segundo Marinho e Pinto.
  10. Os partidos e a corrupção, por Teresa Tavares
  11. Quem manda em Portugal? A corrupção? 
  12. Paulo Morais, os corruptos são os mais protegidos da crise
  13. Os portugueses vivem alienados, não conhecem a gravidade do estado do país.
  14. Ainda somos obrigados a pagar luxos aos criminosos?
  15. As empresas  nascidas e criadas para a corrupção.
  16. As verdadeiras causas da crise
  17. Portugal foi o país do mundo que mais agravou a corrupção em 10 anos
  18. Paulo Morais faz convite aos corruptos
  19. EDP... um caso sórdido.... e mal contado
  20. Só se trava a corrupção com mudanças de mentalidade.
  21. Último relatório da comissão das PPP

7 comentários:

  1. Pena é que a grande maioria do povo não vê, não sabe ou não quer saber de nada disto.
    Cada vez me convenço mais de que a burrice é um ciência e por isso acho que o povo português, neste caso está cientificamente muito avançado...

    ResponderEliminar
  2. Verddade Verdadinha é mesmo uma ciencia porque nao é preciso ser 1 cientista da nasa para entender que exxiste um abismo entre classe baixa e media e uma serie de fraudes economicas gigantescas que sao autenticas pontes entre a classe rica e a classe politica, ora tanto se omite tanto se omite que se permite que largas somas de dinheiro para gente sem escrupulos que hj vivem como condes.

    ResponderEliminar
  3. O tio Antonio dividiu Portugal por 5 a 6 familias,mas apos 74,o saque ao dinheiro publico e corrupcao em todos is setores da sociedade leva a pensar se merecemos ser um pais democratico.

    ResponderEliminar
  4. TEMOS OS POLITICOS QUE MERECEMOS SOMOS NÓS QUE OS MOLDAMOS
    UM POVO QUE NÃO VOTA NEM SABE USAR O VOTO JAMAIS SERÁ REPRESENTADO, TEMIDO OU SEQUER RESPEITADO E JAMAIS SABOREARÁ AS VANTAGENS DA DEMOCRACIA...
    Em Portugal vence sempre a abstenção e a ignorância e os corruptos.
    O povo não sabe que o voto não serve apenas para votar a favor dos que mais se apoiam, serve também para votar contra os que mais roubam e mentem.
    O critério decisivo da democracia é a possibilidade de votar contra os partidos que há 40 anos destroem o país
    Karl Popper, sobre democracia, responsabilidade e liberdade.
    (…)
    Inicialmente, em Atenas, a democracia foi uma tentativa de não deixar chegar ao poder déspotas, ditadores, tiranos. Esse aspecto é essencial. Não se tratava, pois, de poder popular, mas de controlo popular. O critério decisivo da democracia é – e já era assim em Atenas – a possibilidade de votar contra pessoas, e não a possibilidade de votar a favor de pessoas.
    Foi o que se fez em Atenas com o ostracismo. (…)
    Desde o início que o problema da democracia foi o de encontrar uma via que não permitisse a
    ninguém tornar-se demasiado poderoso. E esse continua a ser o problema da democracia. (…)

    ARTIGO COMPLETO: http://apodrecetuga.blogspot.com/2015/09/o-criterio-decisivo-da-democracia-e.html#ixzz3qcV7Aoi8

    ResponderEliminar
  5. BASTAVA O POVO SABER COMO SE VOTA CONTRA OS PARTIDOS CORRUPTOS E PORTUGAL SERIA LIMPO DA CORRUPÇÃO. VOTEM EM PARTIDOS SEM ASSENTO PARLAMENTAR SÓ ISSO TEM VALOR E PUNE OS PARTIDOS CORRUPTOS. Nos paises menos corruptos do mundo a democracia funciona porque as pessoas sabem votar e usam o voto, 90% votam... aqui só temos eleitores ignorantes por isso quem não funciona são os eleitores e não a democracia.
    A abstenção afinal obtém um resultado contrário, ao que pretendem os abstencionistas
    Por isso, o que me chateia na vossa abstenção é a falta de colaboração num trabalho importante. Não é uma questão de direitos ou deveres cívicos em abstracto. O problema é concreto. Temos uma tarefa difícil, da qual depende o nosso futuro, e vocês ficam encostados sem fazer nada.
    Isto tem consequências graves para a democracia. Quando a maioria não quer saber das propostas dos partidos, está-se nas tintas para o desempenho dos candidatos e nem se importa se cumprem os programas ou não, o melhor que os partidos podem fazer para conquistar votos é dar espectáculo. Insultarem-se para aparecerem mais tempo na televisão mentirem para agradar. Vocês dizem que se abstêm porque a política é uma palhaçada mas a política é uma palhaçada porque vocês não votam. Vocês não exercem o vosso dever de votar contra quem faz mal ao país. O vosso de dever e direito de punir os que lesam o país nas urnas.
    A culpa é vossa porque não é preciso muita gente votar em palhaços para os palhaços ganharem. Basta que a maioria não vote.. Basta abanar o pano da cor certa e, se mais ninguém vota, eles ficam na maioria. Mas se vocês colaborassem e se dessem ao trabalho de avaliar as propostas, julgar e punir os partidos que há 40 anos destroem o teu país, se os responsabilizassem pelas promessas que fazem e votassem contra os que mentiram, deixava de haver palhaços, interesseiros e imbecis na política.
    MAIS ARTIGOS SOBRE CIDADANIA E EDUCAÇÃO CIVICA, NESTE LINK, APRENDA A VIVER EM DEMOCRACIA SE QUER QUE ELA FUNCIONE::.. INFORME-SE VEJA ESTE LINK
    http://apodrecetuga.blogspot.pt/2015/10/percebam-que-abstencao-afinal-obtem-um.html#.WM_ogfmLTIU

    ResponderEliminar
  6. O PCP e o BE também são parte do actual do poder corrupto e são muletas do corrupto PS. Todos eles assinaram o último orçamento e continuam a mamar da mesma teta. O único que tem as mãos e a cara lavada é o PCTP/MRPP. Os demais são todos galhos da mesma árvore da corrupção

    ResponderEliminar