19 fevereiro, 2013

Os portugueses repudiam quem não os deixa comer, trabalhar ou ter um tecto...


Deixem discursar o Relvas que ele está a tirar o doutoramento em orador... E tem 3 dias para o fazer... 
"O primeiro-ministro lamentou e repudiou hoje, em nome do Governo, as manifestações que impediram Miguel Relvas de discursar.
(...)  garantindo que o executivo "nunca se deixará condicionar" por acções desta natureza.
"O Governo lamenta as circunstâncias anómalas que levaram o Ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares a suspender esta tarde a sua intervenção numa conferência organizada pela TVI para assinalar o seu vigésimo aniversário"
De acordo com o texto, "manifestações como aquela a que se assistiu nas instalações do ISCTE suscitam necessariamente o repúdio da parte de todos quantos prezam e defendem as liberdades individuais, designadamente o direito à livre expressão no respeito pelas regras democráticas". fonte

Também colocarem numa universidade digna de bom nome, um licenciado que representa a aquilo que mais ofende os verdadeiros licenciados, e querer que o idolatrem, é abusar da bovinidade das pessoas, não?
Mais ainda, colocar um Ministro suspeito de estar envolvido no recente caso de perseguição e chantagem a jornalistas, a discursar sobre jornalismo? É abusar da ironia e paciência, não?
Depois condenar os portugueses por não deixarem o Relvas falar, porque isso é um atentado à liberdade de expressão, é abusarem da inteligência do povo,  então e calar a jornalista do Público, foi uma atentado a quê?
Não ficou nada provado é certo, mas não sei porquê, o povo português começa a ser muito desconfiado.

"Querem saber o que é pôr em causa a liberdade de expressão? É o ministro que tutela a RTP mandar despedir um cronista da rádio pública porque não gostou do que lá ouviu. É um ministro que assim agiu continuar no seu lugar. E ainda ser convidado pela classe para perorar sobre o futuro do jornalismo."
(...) As pessoas estão desesperadas e com muito pouca paciência. Exigem, pelo menos, que finjam que as respeitam.
O facto de Relvas ser interrompido em todos os lugares onde vá, o facto de não poder sair à rua sem que os portugueses lhe manifestem a repulsa que lhes causa, é uma boa notícia para a nossa democracia. Quer dizer que os cidadãos ainda não desistiram de tudo. Que ainda não estão completamente resignados. "fonte

Todos os portugueses sentem pena por não deixarem o Srº Relvas discursar... 
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com a corrupção
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com as mordomias dos políticos
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com as mordomias dos gestores públicos
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com o desemprego
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com os Boys
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com as fundações os institutos e os observatórios
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com a mama das PPP´s
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar que se ia demitir pela sua licenciatura duvidosa
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com a liberdade dos saqueadores do BPN
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com as injecções de impostos na banca
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com a fome
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com as taxas malucas do SNS
Ele que ia avisar os portugueses que ia usar os impostos em beneficio exclusivo do país e do povo
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com a impunidade
Ele que ia avisar os portugueses que ia acabar com a escravatura da troika
Ele que ia avisar que ia acabar com o regabofe do poder local e regional... 

.... e não o deixaram dizer....    
o que se perdeu....
mas ouçam um dos discursos mais profundos e proactivos, de Miguel Relvas ... para imaginarem o que ele iria dizer. 
Demagogias à parte.



Actualização: Mais um escandalizado com a antidemocracia da manifestação que não deixou falar o Relvas.... Video

«É inaceitável que um ministro seja impedido de falar»  Reação de Santos Silva ao incidente com Miguel Relvas
Ficamos rendidos ao respeito que eles demonstram pela democracia. Uma democracia que só funciona para o que lhes convém. Pois todos os actos pouco democráticos que o governo leva a cabo contra o povo e país, são aceitáveis? Claro...
O caso BPN é democrático e aceitável?
O caso do PR ligado ao BPN é democrático e aceitável?
O caso do PR ligado à compra do Pavilhão Atlântico é democrático e aceitável?
O caso do Relvas e Passos Coelho em descarada corrupção, é democrático e aceitável?
O caso de Portugueses a morrer, a emigrar a passar fome a perder casas e empregos, devido ao exagero de sacrifícios é democrático e aceitável?
Enfim... eles gostam de ser muito críticos e duros com os portugueses mas são profundamente dóceis e benevolentes com os seus parceiros, antidemocráticos e impunes.

3 comentários :

  1. Coitado do relvas... isto realmente... o que uma pessoa tem de sofrer para ficar o resto da vida no BEM BOM A VIVER À CUSTA DOS CONTRIBUINTES... de certeza que ele pensou que era mais fácil. A julgar pela experiência que ele trazia da "licenciatura".

    Mas como sempre... o crime compensa não é...

    Paris está ocupado, mas com que os tugas lhe pagam e vão pagar, o que não falta são destinos.

    Se por acaso tiverem a ver estes videos e a achar que lhe estão a lixar a vida, pensem que vocês vão ter de trabalhar para o resto da vida... ele não!!

    ResponderEliminar
  2. Não digam mal do Relvas.
    Ele ás vezes até passa fome e tudo. Que nobreza.
    Até está mais magro e tudo.

    http://4.bp.blogspot.com/-6UvevklVkN0/USGaB3RCjvI/AAAAAAAASxQ/bWEGKXqVrvw/s1600/RTP+--+MIGUEL+RELVAS+NO+5+PARA+A+MEA+NOITE.JPG

    ResponderEliminar
  3. BASTAVA O POVO SABER COMO SE VOTA CONTRA OS PARTIDOS CORRUPTOS E PORTUGAL SERIA LIMPO DA CORRUPÇÃO. VOTEM EM PARTIDOS SEM ASSENTO PARLAMENTAR SÓ ISSO TEM VALOR E PUNE OS PARTIDOS CORRUPTOS. Nos paises menos corruptos do mundo a democracia funciona porque as pessoas sabem votar e usam o voto, 90% votam... aqui só temos eleitores ignorantes por isso quem não funciona são os eleitores e não a democracia.
    A abstenção afinal obtém um resultado contrário, ao que pretendem os abstencionistas
    Por isso, o que me chateia na vossa abstenção é a falta de colaboração num trabalho importante. Não é uma questão de direitos ou deveres cívicos em abstracto. O problema é concreto. Temos uma tarefa difícil, da qual depende o nosso futuro, e vocês ficam encostados sem fazer nada.
    Isto tem consequências graves para a democracia. Quando a maioria não quer saber das propostas dos partidos, está-se nas tintas para o desempenho dos candidatos e nem se importa se cumprem os programas ou não, o melhor que os partidos podem fazer para conquistar votos é dar espectáculo. Insultarem-se para aparecerem mais tempo na televisão mentirem para agradar. Vocês dizem que se abstêm porque a política é uma palhaçada mas a política é uma palhaçada porque vocês não votam. Vocês não exercem o vosso dever de votar contra quem faz mal ao país. O vosso de dever e direito de punir os que lesam o país nas urnas.
    A culpa é vossa porque não é preciso muita gente votar em palhaços para os palhaços ganharem. Basta que a maioria não vote.. Basta abanar o pano da cor certa e, se mais ninguém vota, eles ficam na maioria. Mas se vocês colaborassem e se dessem ao trabalho de avaliar as propostas, julgar e punir os partidos que há 40 anos destroem o teu país, se os responsabilizassem pelas promessas que fazem e votassem contra os que mentiram, deixava de haver palhaços, interesseiros e imbecis na política.
    MAIS ARTIGOS SOBRE CIDADANIA E EDUCAÇÃO CIVICA, NESTE LINK, APRENDA A VIVER EM DEMOCRACIA SE QUER QUE ELA FUNCIONE::.. INFORME-SE VEJA ESTE LINK
    http://apodrecetuga.blogspot.pt/2015/10/percebam-que-abstencao-afinal-obtem-um.html#.WM_ogfmLTIU

    ResponderEliminar