11 agosto, 2011

Justiça paga, só de rendas, 38 milhões e tem 1.100 imóveis?


votar é uma responsabilidade dever
Fernando Santo, como todos os novos governantes que pegam em pastas, mostram-nos que havia despesismo e má gestão do anterior governo. 
Fará sentido um ministério com 1.100 imóveis no seu património, precisar ainda de gastar 38 milhões em rendas? 
Fernando Santo deixou transparecer em, diversas fases num discurso, (que cito em baixo) que existe má gestão visível, dos recursos e dos meios.
Em nada nos surpreende que o secretário de estado da justiça o tenha descoberto agora, pois nós já o desconfiamos, há muito. Aliás, o facto de sabermos que os que cometem este despesismo e má gestão saem ilesos, faz-nos acreditar que é obra para continuar.
AINDA, recentemente, se noticiou mais uma despesa descabida aqui, que em nada abona a favor das poupanças que se exigem nem das competências de quem gere.
Mais uma vez assistimos a situações paradoxais que nos levam a perceber o porquê de tantas incompetências que culminam em má gestão, despesismo e descontrole. Já alguém questionou porque metemos pessoas sem qualificação a gerir PORTUGAL?
São mais importante os amigos...
São mais importantes os do partido.
Competência para quê, se o que se visa é apenas enriquecer a classe politica com dinheiro que já existe, fruto dos impostos pesados, e nunca produzir dinheiro.
"O ministério da justiça paga, só em rendas €38 milhões. O secretário de Estado Fernando Santo revelou hoje que o Ministério da Justiça tem 15 mil  viaturas e 1.100 imóveis e paga anualmente €38 milhões de rendas.27 mil funcionários, 30 mil computadores e um orçamento que ronda os 1.400 milhões de euros."
«"Tudo isto tem de ser gerido de outra forma", enfatizou Fernando Santo, antigo bastonário da Ordem dos Engenheiros, sublinhando que está a ser feito um "levantamento da situação" e o "diagnóstico" do MJ, para a partir daí se fazer a gestão "mais correta". ....pelo que a gestão futura impõe que se "eliminem desperdícios" e se reduza a "contratação externa" de serviços. Fonte
Neste link pode aceder a um mapa interactivo que mostra a distribuição dos vários meios do ministério da justiça, pelo país. Basta seleccionar quais quer ver, no canto superior direito. 
Veja e fique abismado com tanta "justiça" espalhada por todo o país, no entanto faz-se tão pouca justiça em Portugal. 
Mais um paradoxo possível apenas pela incompetência que sempre nos gere e há-de continuar a gerir.
Basta continuarem a votar nos de sempre, pactuando com o enriquecimento dos políticos e amigos, e a destruição de PORTUGAL.

Sem comentários :

Enviar um comentário