10 junho, 2012

300 mil euros por mês, de impostos, para cabeleireiros de 3 vedetas da RTP

rtp despesa vedetas cabeleireiro
Zangam-se as comadres descobrem-se as verdades. 
"A empresa Marina Cruz Cabeleireiros, responsável pela imagem das principais estrelas da RTP, em Lisboa, cobrou em 2011 à televisão pública cerca de 300 mil euros pelos seus serviços de cabeleireiro, não incluindo a caracterização. 
O CM teve acesso a uma queixa da empresa Joaquim Guerra Cabeleireiros, assinada pelo empresário e cabeleireiro Joaquim Guerra, em que se refere que "a este valor somam-se alguns milhares de euros pelo acompanhamento exclusivo de três apresentadoras": Judite de Sousa, que saiu para a TVI no ano passado, Fátima Campos Ferreira e Catarina Furtado. Tudo isto sem concurso público.
Segundo a queixa, são pagos "cerca de 500 euros por deslocação a gravações e directos exteriores", no caso das principais estrelas, incluindo-se no contrato "o aparecimento de cartões publicitários alusivos à sua marca no final dos programas."
O CM sabe que o Governo está preocupado com as despesas da RTP com fornecimentos e serviços externos, que atingem entre 40 e 50 milhões de euros por ano. Contactado o Ministério dos Assuntos Parlamentares, que tem a tutela do canal público, fonte oficial diz que não faz "qualquer comentário sobre o assunto". Fonte oficial da estação do Estado diz ao CM que "todos os valores referidos estão errados". Mais: "a RTP não divulga contratos, mas todos os valores são substancialmente inferiores" aos indicados na queixa".CM

Ganham salários milionários, pagos pelos nossos impostos, mas ainda temos que pagar os cabeleireiros e sabe-se lá mais o quê!
Aqui vão exemplos dos salários:
- Catarina Furtado = 30.000 €/mês (loool 1000 euros por dia)
- José Carlos Malato = 20.000 €/mês
- Fernando Mendes = 20.000 €/mês
- Jorge Gabriel = 18.000 €/mês
- Sílvia Alberto = 15.000 €/mês
- João Baião = 15.000 €/mês
- José Rodrigues dos Santos = 13.000 €/mês

NESTE VIDEO MÁRIO CRESPO AFIRMA QUE ESTÁ A SER PERSEGUIDO POR DIVULGAR QUE A RTP É UM SORVEDOURO DE IMPOSTOS. MAIS DE 1 MILHÃO POR DIA, É QUANTO PAGAMOS PARA SUSTENTAR A MÁ GESTÃO DA RTP... A GESTÃO A FAVOR DOS PRIVADOS E CONTRA O INTERESSE NACIONAL

RTP custa mais de 1 milhão por dia aos contribuintes!! Mário Crespo denuncia e é perseguido



 Mais sobre a RTP.


21 comentários :

  1. Boa noticia, mas não sei o que é que o texto tem a ver com os votos, ou a imagem do Passo (ou PSD)... Até parece que só começou agora... Principalmente para o números para anos do PS!
    Não façamos propaganda falsa, para isso já basta os mass-média!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se reparar as imagens que coloco no blog tem a ver com as criticas em geral a todos os governos que nos desgovernam há décadas, as imagens são piadas alusivas aos temas do blog, ou mensagens, ou citações, que se inserem na linha de pensamento do blog. Não tem forçosamente a ver com o artigo, mas com o blog.
      Óbvio que se o sr chega aqui, lê um artigo e quer logo fazer juízos e criticas, arrisca-se a não ser justo ou coerente. Se se desse ao trabalho de ler mais que um artigo veria que a única coisa falsa é o seu comentário, ao afirmar que eu pretendo mostrar que as coisas só começaram agora, ou a fazer propaganda falsa. Basta ver a coluna do lado direito, do blog, onde pode encontrar exemplos de criticas a todos os governos e partidos que deram provas de as merecerem, desde há muitos anos, arruinando e saqueando os portugueses.

      Eliminar
    2. Na verdade qualquer noticia com o CM como fonte vale quase nada

      Eliminar
    3. Se isso fosse verdade o CM já teria falido devido a processos colocados pelos visados das noticias.
      Aliás já estaria fechado por difamação há muito tempo- já alguma vez se questionou porque continua activo?
      Por vezes os jornais divulgam noticias com pequenos equivocos e logo são atacados por advogados para colocarem a noticia correcta, com cartas de ameaças e cartas de direito a resposta. Se o CM publicasse mentiras e erros, teria um exercito de advogados a obrigar a que corrigisse as noticias todos os dias. Acho que é óbvio.

      Eliminar
    4. O CM ainda conta umas verdades.

      Eliminar
  2. É espantoso como perante tanto crime, corrupção, compadrio... as pessoas saltam primeiro em defesa do partido(sua irracional "zona de conforto ideológico") e só um dia mais tarde, talvez, escrevam alguma coisa a contestar a podridão dominante...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois ... por vezes também me espanta como ainda há pessoas a defender partidos, assim desta forma tão pronta... será que não vêem noticias? Será que não vêem onde Portugal está? Será que não sabem que estamos cotados entre os mais corruptos, entre os mais pobres, entre os mais sacrificados, entre os mais sobrecarregados em horas de trabalho, etc etc etc... e será que mesmo sabendo isso, estas pessoas que defendem os partidos, acreditam que a culpa de tudo isto não é dos políticos, mas do povo?

      Eliminar
    2. BASTAVA O POVO SABER COMO SE VOTA CONTRA OS PARTIDOS CORRUPTOS E PORTUGAL SERIA LIMPO DA CORRUPÇÃO. VOTEM EM PARTIDOS SEM ASSENTO PARLAMENTAR SÓ ISSO TEM VALOR E PUNE OS PARTIDOS CORRUPTOS. Nos paises menos corruptos do mundo a democracia funciona porque as pessoas sabem votar e usam o voto, 90% votam... aqui só temos eleitores ignorantes por isso quem não funciona são os eleitores e não a democracia.
      A abstenção afinal obtém um resultado contrário, ao que pretendem os abstencionistas
      Por isso, o que me chateia na vossa abstenção é a falta de colaboração num trabalho importante. Não é uma questão de direitos ou deveres cívicos em abstracto. O problema é concreto. Temos uma tarefa difícil, da qual depende o nosso futuro, e vocês ficam encostados sem fazer nada.
      Isto tem consequências graves para a democracia. Quando a maioria não quer saber das propostas dos partidos, está-se nas tintas para o desempenho dos candidatos e nem se importa se cumprem os programas ou não, o melhor que os partidos podem fazer para conquistar votos é dar espectáculo. Insultarem-se para aparecerem mais tempo na televisão mentirem para agradar. Vocês dizem que se abstêm porque a política é uma palhaçada mas a política é uma palhaçada porque vocês não votam. Vocês não exercem o vosso dever de votar contra quem faz mal ao país. O vosso de dever e direito de punir os que lesam o país nas urnas.
      A culpa é vossa porque não é preciso muita gente votar em palhaços para os palhaços ganharem. Basta que a maioria não vote.. Basta abanar o pano da cor certa e, se mais ninguém vota, eles ficam na maioria. Mas se vocês colaborassem e se dessem ao trabalho de avaliar as propostas, julgar e punir os partidos que há 40 anos destroem o teu país, se os responsabilizassem pelas promessas que fazem e votassem contra os que mentiram, deixava de haver palhaços, interesseiros e imbecis na política.
      MAIS ARTIGOS SOBRE CIDADANIA E EDUCAÇÃO CIVICA, NESTE LINK, APRENDA A VIVER EM DEMOCRACIA SE QUER QUE ELA FUNCIONE::.. INFORME-SE VEJA ESTE LINK http://apodrecetuga.blogspot.pt/2015/10/percebam-que-abstencao-afinal-obtem-um.html#.WM_ogfmLTIU

      Eliminar
  3. O que acontece é uma reacção natural.
    Ehehe.
    As pessoas estão habituadas a que as críticas visem vender peixe podre,o que neste país é a regra.
    Mas não é este o caso,penso,embora por vezes haja a ingenuidade de apontar como impolutas algumas personagens enterradas na lama,como Cravinho,Marinho Pinto,etc.
    A intenção é boa.
    ehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro, criticar o Medina e o Marinho Cravinho (que nem me lembro de defender), não sou fanática das personagens... mas também não me parece muito justo ou coerente fazer essa critica aos senhores. O Medina é fiscalista e considerado por muitos de elevada capacidade de raciocínio, há que perceber que ele é um fiscalista, não a Madre Teresa de Calcutá, nem o nosso representante. Ele fala do assunto num contexto de números e gráfico. Acho que não podemos ser assim tão exigentes, óbvio que se este senhor fosse nosso ministro, outras exigências lhe seriam feitas e outra postura ele teria.
      E que não me ataquem já a dizer que ele já foi ministro e não fez nadam pois mais uma vez estão a ser incoerentes. Desde quando um ministro isolado pode mudar um regime podre instaurado há décadas? Repare, o que tentou defender os portugueses na EDP já teve que se demitir, são poucos os que tentam e os que tentam ou saem ou desistem

      http://apodrecetuga.blogspot.com/2012/03/o-que-acontece-quem-tenta-defender-os.html
      Mesmo os partidos da oposição se queixam da impossibilidade de mudar seja o que for. Todas as tentativas de mudar são travadas pelos votos contra.

      Somos duros e injustos... pegamos em frases fora de contexto e condenamos o todo. Pegamos em Cidadãos comuns e exigimos que sejam mártires de Portugal? Não creio que seja assim que deva ser. Acredito que estes senhores se tivessem que representar Portugal, segundo as regras que o povo lhes exporia, eles teriam garra e integridade para vestir a camisola.
      Posso ser ingénua, mas acredito que vocês também estão a pecar pelo oposto.
      Quanto ao Marinho .. é natural que ele defenda a classe dos advogados que é quem ele representa, e seria essa garra que seria útil num defensor do povo. esta é a minha opinião, a apreciação deste senhores pelo lado positivo pela garra, pela capacidade de liderança, pelo facto de estarem dentro do assunto, etc... mas se existem ideias melhores que venham elas...

      Eliminar
    2. PS. Mas obrigado pelas palavras e por ter percebido que " a intenção é boa" ao contrário de muitos portugueses que aproveitam qualquer deslize alheio para condenar crucificar e julgar sem o mínimo de coerência.

      Eliminar
    3. Atenção que eu não aponto pessoas como impolutas. Apenas aproveito palavras de denuncia dessas pessoas. O passado de cada um não retira verdade ás palavras de denunciam deste ou daquele caso. Pode existir alguma falha na isenção, mas importa é retirar, das suas mensagens as denuncias que albergam.
      E se por vezes me refiro a Marinho Pinto como uma possível figura que defenderia os nossos interesses mais que os que por lá tem passado...é porque realmente os que por lá tem passado deixam poucas alternativas. E certamente que para acabar com tão poderoso regime, como o que temos, tem que ser uma pessoa destemida e com coragem de enfrentar certos bois pelos cornos, e Marinho Pinto mostra essa coragem.

      Eliminar
  4. Incrivel como as pessoas defendem cores, só aceito as cores da nossa bandeira, do nosso Portugal e para defende-lo à que trazer a público estas escandaleiras, pelo menos assim não podem ir para o Parlamento dizer: - Eu não sabia...

    Parabens pelo blogue

    Sérgio Rodrigues

    ResponderEliminar
  5. Será que existe um epidemia de corrupção neste país?

    De um extremo ao outro do espectro político todos se ajeitam, todos têm amigos nos bancos, nas construtoras, nos espiões, nas televisões...
    O que faz com que a maioria dos portugueses vote sempre na mesma porcaria? Necessitamos GENTE comprovadamente HONESTA para guiar o país daqui em diante.
    O vosso voto, a vossa ÚNICA arma, tem de apontar contra aqueles que o têm manipulado até agora.

    Vote qualquer coisa. Mas VOTE DIFERENTE!!! Pelo menos corremos, de certeza, com os gangs que nos assaltam há trinta anos, diariamente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está difícil de convencer este povo, realmente existe uma epidemia cada vez mais forte porque o povo teima em lhe dar todas as armas para a mão. O povo teima em dar apoio e alento ao inimigo. Votam neles ou deixam de votar e permitem que eles ganhem pela sua inércia e falta de comparência. Óbvio que eu tb defendo que o voto não é democracia, nem é um direito nem um dever, pois o que temos hj é um regime podre e deveria ser mesmo proibido votar nesse regime.
      CONTUDO podemos pelo menos minimizar os efeitos nefastos dos corruptos que há décadas nos saqueiam se votarmos naqueles que nunca tem poder. OU SEJA USAR O VOTO CONTRA OS CORRUPTOS PELO MENOS ISSO POVO... ATÉ QUE HAJA UMA SOLUÇÃO MAIS JUSTA.
      VOTEM CONTRA ELES...

      Eliminar
  6. E' muito bom que se publique tudo isto para ver se os politicos ganham vergonha..muitos parabens a que gere o blog!!!

    ResponderEliminar
  7. e porque pagamos a taxa de televisão?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porque somos um povo manso que aceita tudo.

      Eliminar
  8. Eu nao pago, mas cortaram-me a luz,

    lá tive que lá ir, uns meses depois,

    deviamos eram nao pagar todos ao mesmo tempo.

    ResponderEliminar
  9. Eu,filho de trabalhadores pobres do campo e um simples operário emigrante na Holanda desde 1964 e já velhote (89 anos)daqui onde vivo,digo simplesmente que os trafulhas,os velhacos,os pulhas,os cínicos,os hipócritas,os vigaristas,os aldrabões,os espertalhões os corruptos da Alta,da Média,da Pequena Burguesia com destaque para os Vigários de Cristo mas também gente da Plebe que sabiam como tirar o melhor partido da Ditadura clerical-fascista do Estado Novo,agora em liberdade e «democracia» e com o liberalismo económico e financeiro em que cada qual se safa como pode,ÊLES,seus descendentes,seus comparsas e os «filhos da mesma escola»,muito melhor sabem como tirar o melhor partido desta SITUAÇÃO.Sòmente os bem intencionados ou os palermas como eu,é que foram,são e serão sempre as eternas vítimas.E não esquecer que ÊLES estão a vingar-se do 25 d'Abril.
    A Pátria-Mãe p'ra mim madrasta,
    empurrou-me p'rà emigração,
    e maldita seja a Governação,
    que Portugal p'rà miséria arrasta.

    ResponderEliminar
  10. BASTAVA O POVO SABER COMO SE VOTA CONTRA OS PARTIDOS CORRUPTOS E PORTUGAL SERIA LIMPO DA CORRUPÇÃO. VOTEM EM PARTIDOS SEM ASSENTO PARLAMENTAR SÓ ISSO TEM VALOR E PUNE OS PARTIDOS CORRUPTOS. Nos paises menos corruptos do mundo a democracia funciona porque as pessoas sabem votar e usam o voto, 90% votam... aqui só temos eleitores ignorantes por isso quem não funciona são os eleitores e não a democracia.
    A abstenção afinal obtém um resultado contrário, ao que pretendem os abstencionistas
    Por isso, o que me chateia na vossa abstenção é a falta de colaboração num trabalho importante. Não é uma questão de direitos ou deveres cívicos em abstracto. O problema é concreto. Temos uma tarefa difícil, da qual depende o nosso futuro, e vocês ficam encostados sem fazer nada.
    Isto tem consequências graves para a democracia. Quando a maioria não quer saber das propostas dos partidos, está-se nas tintas para o desempenho dos candidatos e nem se importa se cumprem os programas ou não, o melhor que os partidos podem fazer para conquistar votos é dar espectáculo. Insultarem-se para aparecerem mais tempo na televisão mentirem para agradar. Vocês dizem que se abstêm porque a política é uma palhaçada mas a política é uma palhaçada porque vocês não votam. Vocês não exercem o vosso dever de votar contra quem faz mal ao país. O vosso de dever e direito de punir os que lesam o país nas urnas.
    A culpa é vossa porque não é preciso muita gente votar em palhaços para os palhaços ganharem. Basta que a maioria não vote.. Basta abanar o pano da cor certa e, se mais ninguém vota, eles ficam na maioria. Mas se vocês colaborassem e se dessem ao trabalho de avaliar as propostas, julgar e punir os partidos que há 40 anos destroem o teu país, se os responsabilizassem pelas promessas que fazem e votassem contra os que mentiram, deixava de haver palhaços, interesseiros e imbecis na política.
    MAIS ARTIGOS SOBRE CIDADANIA E EDUCAÇÃO CIVICA, NESTE LINK, APRENDA A VIVER EM DEMOCRACIA SE QUER QUE ELA FUNCIONE::.. INFORME-SE VEJA ESTE LINK http://apodrecetuga.blogspot.pt/2015/10/percebam-que-abstencao-afinal-obtem-um.html#.WM_ogfmLTIU

    ResponderEliminar