04 agosto, 2011

Ministros não sabem fazer contas.

Super secretária do Ministro da economia.
Super secretária do Ministro da economia.
Ultimamente tem-se notado que os nossos ministros fazem contas muito estranhas, ficam orgulhosos do resultado da operação e divulgam-na vitoriosos.
1- Primeiro foi o facto de divulgarem, como grande feito, a redução/subtracção de ministérios mas não tardou a ser comunicado também a criação de novos gabinetes, pelo menos 2, e o aumento de cargos top na CGD.
Ora feitas as contas e sabendo que a supressão de ministérios é só "para inglês ver", pois os funcionários certamente continuam a usufruir dos postos de trabalho e respectivos ordenados, apenas foram fundidos nalgum ministério com outro nome, resulta que temos a mesma carga para a despesa pública + os 2 gabinetes novos... pelo menos, e mais 4 boys na CGD, que ganham mais que ministros.
"O secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro, Carlos Moedas, vai ter sob o seu comando uma equipa de até 30 técnicos para seguir de perto o trabalho dos 11 ministérios e garantir que não há desvios às metas e prazos...Mais de uma centena de pessoas vai dedicar-se a escrutinar as contas do país nos próximos anos com a criação de novos órgãos de fiscalização. Além das entidades que tinham a tarefa de acompanhar as contas públicas e a política orçamental, o governo criou duas novas entidades para reforçar a vigilância dos dinheiros públicos. " fonte
2 -  NO CASO BPN, FEITAS AS CONTAS SERÁ QUE VENDERAM OU OFERECERAM O BANCO? Óbvio que vender por 40 milhões um banco que já custou mais de 5 mil milhões, não encaixa no conceito de venda. Creio que o mais correcto é afirmar que oferecemos dinheiro a quem aceitar o BPN e abafar o seu obscuro percurso criminal.

3 Mais uma vez o ministro da economia reincide nas contas brilhantes.
Declarou ontem que o governo anterior padecia de uma ostentação que chegava a ser uma ofensa á nação, e como exemplo disso, afirmou que encontrou 45 motoristas aos quais já subtraiu 15??? fonte
CONTRADITÓRIO, JÁ QUE ainda no dia 29 publicaram isto:
"14 motoristas nomeados por Pedro Passos Coelho. Integram ainda o seu gabinete nove secretárias, oito assessores e sete adjuntos." fonte
Ora façamos as contas, mais uma vez:
45 motoristas - 15 + 14 , dá qualquer coisa como 44 motoristas....???? Grande corte, agora sim começamos a acreditar nos resultados. O ministro diz que 45 motoristas é uma ofensa para o POVO!!  MAS 44 JÁ NÃO É?
Assim  ficamos a par dos cortes na despesa pública. Tudo somado e subtraído acho que ficamos a ganhar muito com estas medidas engenhosas e trabalhosas...
Ainda bem que ele diz que tem a melhor secretária de todos os ministros... senão o saldo ainda seria mais negativo...
Não esquecer ainda, de subtrair o salário ostensivo/ ofensivo da secretária (5.821 euros).
E vamos continuar a somar cargos e gabinetes e a subtrair do erário publico.
Só num mês já fizeram 235 nomeações... chama se a isto dividir o dinheiro do estado por todos ( eles).

Sem comentários :

Enviar um comentário