17 julho, 2013

Carta de uma médica para a Dilma. A devastação da corrupção no Brasil, antevisão de Portugal.

Quando o nosso SNS, chegar ao caos que chegou o do Brasil, porque os nossos impostos continuam a ser desviados para enriquecer as elites, e não investidos onde deveriam ser...  
Porque os que nos gerem são boys e não profissionais...
talvez os portugueses acordem. 
Uma médica Brasileira decidiu escrever esta carta para expor o ridículo do poder políticos  que possui o poder para salvar vidas e apenas se preocupa em tomar medidas demagógicas, despesistas e ocas, que sacrificam muitas vidas. 
O Ministro da Saúde que decidiu, agora, que os remédios devem ser racionados.
"Os doentes vão ter mais dificuldade no acesso aos remédios, especialmente os inovadores, devido a medidas de racionamento aprovadas pelo Ministério da Saúde. A Ordem dos Médicos está contra os cortes e avisa que os doentes vão ser prejudicados, pois as situações de doença vão ser agravadas. O objetivo da tutela é reduzir a despesa pública.”

Mais: “O documento refere ainda que "todos os medicamentos sujeitos a receita médica restrita serão obrigatoriamente avaliados pelo Infarmed nos primeiros seis meses após a autorização de introdução no mercado". Ora, os prazos de avaliação e aprovação pelo Infarmed "são largamente ultrapassados", afirma ao CM o bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva. E dá o exemplo: "Os doentes de hepatite C estão há dois anos à espera da aprovação pelo Infarmed de um medicamento que duplica a taxa de cura. Sem esse tratamento a doença, que podia ser curável, evolui para uma cirrose e um cancro".” fonte

"Tudo que uma médica BRASILEIRA, que trabalha no interior, quer falar para "Presidenta":
Dilma, deixa eu te falar uma coisa!
Fernanda Melo, médica, moradora e trabalhadora de Cabo Frio, cidade da baixada litorânea do estado do Rio de Janeiro.
Este ano completo 7 anos de formada pela Universidade Federal Fluminense e desde então, por opção de vida, trabalho no interior. Inclusive hoje, não moro mais num grande centro. Já trabalhei em cada canto...

Você não sabe o que eu já vi e vivi, não só como médica, mas como cidadã brasileira. Já tive que comprar remédio com meu dinheiro, porque a mãe da criança só tinha R$ 2,00 para comprar o pão.
Por que comprei?
Porque não tinha vaga no hospital para internar e eu já tinha usado todos os espaços possíveis (inclusive do corredor!) para internar os mais graves.

Você sabe o que é puxadinho?
Agora, já viu dentro de enfermaria? Pois é, eu já vi. E muitos. Sabe o que é mãe e filho dormirem na mesma maca porque simplesmente não havia espaço para sequer uma cadeira?
Já viu macas tão grudadas, mas tão grudadas, que na hora da visita médica era necessário chamar um por um para o consultório porque era impossível transitar na enfermaria?

Berçário numa maternidade no Brasil
Já trabalhei num local em que tive que autorizar que o familiar trouxesse comida ( não tinha, ora bolas!) e já trabalhei em outro que lotava na hora do lanche (diga-se refresco ralo com biscoito de péssima qualidade) que era distribuído aos que aguardavam na recepção.

Já esperei 12 horas por um simples hemograma. Já perdi o paciente antes de conseguir um mera ultrassonografia. Já vi luva descartável ser reciclada. Já deixei de conseguir vaga em UTI pra doente grave porque eu não tinha um exame complementar que justificasse o pedido.

Já fui ambuzando um prematuro de 1Kg (que óbvio, a mãe não tinha feito pré natal!) por 40 Km para vê-lo morrer na porta do hospital sem poder fazer nada. A ambulância não tinha nada...

Tem mais, calma! Já tive que escolher direta ou indiretamente quem deveria viver. E morrer...
Já ouvi muito desaforo de paciente, revoltando com tanto descaso e que na hora da raiva, desconta no médico, como eu, como meus colegas, na enfermeira, na recepcionista, no segurança, mas nunca em você.
Já ouviu alguém dizer na tua cara: meu filho vai morrer e a culpa é tua? Não, né? E a culpa nem era minha,
mas era tua, talvez. Ou do teu antecessor. Ou do antecessor dele...

Já vi gente morrer! Óbvio, médico sempre vê gente morrendo, mas de apendicite, porque não tinha centro cirúrgico no lugar, nem ambulância pra transferir, nem vaga em outro hospital?

Agonizando, de insuficiência respiratória, porque não tinha laringoscópio, não tinha tubo, não tinha respirador?
De sepse, porque não tinha antibiótico, não tinha isolamento, não tinha UTI?
A gente é preparado pra ver gente morrer, mas não nessas condições.

Ah Dilma, você não sabe mesmo o que eu já vi! Mas deixa eu te falar uma coisa: trazer médico de Cuba, de Marte ou de qualquer outro lugar, não vai resolver nada!
E você sabe bem disso.
Só está tentado enrolar a gente com essa conversa fiada. É tanto descaso, tanta carência, tanto despreparo...

As pessoas adoecem pela fome, pela sede, pela falta de saneamento e educação e quando procuram os hospitais, despejam em nós todas as suas frustrações, medos, incertezas...
Mas às vezes eu não tenho luva e fio pra fazer uma sutura, o que dirá uma resposta para todo o seu sofrimento!
O problema do interior não é falta de médico. É falta de estrutura, de interesse, de vergonha na cara. Na tua cara e dessa corja que te acompanha!
Não é só salário que a gente reivindica. Eu não quero ganhar muito num lugar que tenha que fingir que faço medicina. E acho que a maioria dos médicos brasileiros também não.
Não sei se isso vai chegar até você, mas já valeu pelo desabafo!

Jô Soares explica os 20 centavos.
Divulgou-se a ideia que as manifestações no Brasil, iniciaram por causa de um aumento de 20 centavos, nos transportes públicos.O ministro Gilberto Carvalho, após reunião de governo, deu entrevista dizendo que não entende as razoes das manifestações de protesto de ontem. O Jô Soares mais tarde se encarregou de explicar centavo por centavo as razões do surto da Galera. Será que agora perceberão...???!!!

JÔ SOARES Explica….
Para quem não entendeu ainda: os vinte centavos, um por um:

·         00,01 – a corrupção
·         00,02 – a impunidade
·         00,03 – a violência urbana
·         00,04 – a ameaça da volta da inflação
·         00,05 – a quantidade de impostos que pagamos sem ter nada em troca
·         00,06 – o baixo salário dos professores e médicos do estado
·         00,07 – o alto salário dos políticos
·         00,08 – a falta de uma oposição ao governo
·         00,09 – a falta de vergonha na cara dos governantes
·         00,10 – as nossas escolas e a falta de educação
·         00,11 – os nossos hospitais e a falta de um sistema de saúde digno
·         00,12 – as nossas estradas e a ineficiência do transporte público
·         00,13 – a prática da troca de votos por cargos públicos nos centros de poder que causa distorções
·         00,14 – a troca de votos da população menos esclarecida por pequenas melhorias públicas (pagas com dinheiro público) que coloca sempre os mesmos nomes no poder
·         00,15 – políticos condenados pela justiça ainda na ativa
·         00,16 – os mensaleiros terem sido julgados, condenados e ainda estarem livres
·         00,17 – partidos que parecem quadrilhas
·         00,18 – o preço dos estádios para a copa do mundo, o superfaturamento e a má qualidade das obras públicas
·         00,19 – a mídia tendenciosa e vendida
·         00,20 – a percepção que não somos representados pelos nossos governantes
Se precisarem tenho outros vinte centavos aqui, é só pedir.

4 comentários :

  1. Caro Apodrece tuga

    Gostaria de reproduzir esta carta em meu blogue.

    Me autoriza ???

    Lhe tenho em minha lista de blogues amigos, e sempre lhe visito.

    Abraços.

    Ramiro Lopes Andrade

    ramirolopesandrade.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A carta não é minha, esteja à vontade para usar tudo o que aqui divulgo, o importante é acordar o pais, apenas isso.

      Eliminar
  2. OS IMPOSTOS QUE DEVERIAM IR PARA O SNS, PARA PARA AS REFORMAS E OUTROS SERVIÇOS PÚBLICOS, É ESBANJADO COM CORRUPTOS. HÁ TRATAMENTOS QUE SALVAM VIDAS QUE NÃO EXISTEM EM PORTUGAL PORQUE SÃO CAROS E OS CORRUPTOS PREFEREM GUARDAR O DINHEIRO PARA ELES E PARA OFERECER A BANCA ESTRANGEIRA

    ResponderEliminar
  3. BASTAVA O POVO SABER COMO SE VOTA CONTRA OS PARTIDOS CORRUPTOS E PORTUGAL SERIA LIMPO DA CORRUPÇÃO. VOTEM EM PARTIDOS SEM ASSENTO PARLAMENTAR SÓ ISSO TEM VALOR E PUNE OS PARTIDOS CORRUPTOS. Nos paises menos corruptos do mundo a democracia funciona porque as pessoas sabem votar e usam o voto, 90% votam... aqui só temos eleitores ignorantes por isso quem não funciona são os eleitores e não a democracia.
    A abstenção afinal obtém um resultado contrário, ao que pretendem os abstencionistas
    Por isso, o que me chateia na vossa abstenção é a falta de colaboração num trabalho importante. Não é uma questão de direitos ou deveres cívicos em abstracto. O problema é concreto. Temos uma tarefa difícil, da qual depende o nosso futuro, e vocês ficam encostados sem fazer nada.
    Isto tem consequências graves para a democracia. Quando a maioria não quer saber das propostas dos partidos, está-se nas tintas para o desempenho dos candidatos e nem se importa se cumprem os programas ou não, o melhor que os partidos podem fazer para conquistar votos é dar espectáculo. Insultarem-se para aparecerem mais tempo na televisão mentirem para agradar. Vocês dizem que se abstêm porque a política é uma palhaçada mas a política é uma palhaçada porque vocês não votam. Vocês não exercem o vosso dever de votar contra quem faz mal ao país. O vosso de dever e direito de punir os que lesam o país nas urnas.
    A culpa é vossa porque não é preciso muita gente votar em palhaços para os palhaços ganharem. Basta que a maioria não vote.. Basta abanar o pano da cor certa e, se mais ninguém vota, eles ficam na maioria. Mas se vocês colaborassem e se dessem ao trabalho de avaliar as propostas, julgar e punir os partidos que há 40 anos destroem o teu país, se os responsabilizassem pelas promessas que fazem e votassem contra os que mentiram, deixava de haver palhaços, interesseiros e imbecis na política.
    MAIS ARTIGOS SOBRE CIDADANIA E EDUCAÇÃO CIVICA, NESTE LINK, APRENDA A VIVER EM DEMOCRACIA SE QUER QUE ELA FUNCIONE::.. INFORME-SE VEJA ESTE LINK

    http://apodrecetuga.blogspot.pt/2015/10/percebam-que-abstencao-afinal-obtem-um.html#.WM_ogfmLTIU

    ResponderEliminar