14 Julho, 2011

7 milhões em campo de golfe, na Madeira, colossal!

João Jardim milhões estado
João Jardim usa sete milhões de empresa pública para construir campo de golfe.
É este o país onde vivemos, o governo exige contenção mas o exemplo que dão é de puro esbanjamento.
Expropriam os agricultores, gastando milhões para o efeito, e subtraindo mais agricultores, ao já de si fraco tecido produtivo do país, situação que o Dr Cavaco Silva tanto preza. 
Assim em breve teremos os nossos abastados políticos, com imensos vícios de luxo para gozar e usufruir. 
CAMPOS DE GOLFE, MARINAS, HOSPITAIS PRIVADAS, ESTÁDIOS GRANDIOSOS, ESTRADAS SEM FIM, 
FÓRUNS, HELIPORTOS, COLÉGIOS PRIVADOS, ETC ETC 
E nesse mesmo futuro próximo, viverão confortáveis contrastando com o povo miserável, sem saúde pública, sem escolas, sem reforma para sobreviver aos tempos duros da velhice... muito menos para jogar golfe nos buracos do João Jardim. Veremos o nosso país transformado num paraíso de ricos e num pesadelo dos pobres e remediados. 

Em baixo as citações que originaram este comentário.
"O governo regional da Madeira autorizou a transferência de sete milhões de euros da Sociedade de Desenvolvimento do Porto Santo, para financiar a obra do Campo de Golfe da Ponta do Pargo, incluída no plano de investimento desta sociedade anónima de capitais exclusivamente públicos.Alberto João Jardim ignorou as novas medidas de austeridade do acordo com a troika que põe travão a investimentos em obras públicas sem viabilidade.  O processo de compra dos terrenos agrícolas, num valor superior a seis milhões de euros, foi polémico por a população local exigir o investimento em equipamentos de maior interesse público."fonte
Apenas para relembrar...   
"Para cobrir grande parte do prejuízo estimado ( cheias) , a Madeira recebeu do Governo da República os primeiros 50 milhões dos 740 a distribuir por quatro orçamentos."  fonte

Sem comentários :

Enviar um comentário