01 dezembro, 2014

Ferro Rodrigues: “Tou-me cagando para o segredo de Justiça” Escutas mostram o verdadeiro espírito PS?


As famosas escutas que mostram como os partidos tudo fazem para livrar os seus comparsas da cadeia.


Agora com o Sócrates preso querem fragilizar a justiça a todo custo, até pela violação do segredo de justiça pegam, no entanto quando lhes convém a eles violar o segredo de justiça, fica bem há vista o desprezo e desrespeito pela lei.
"António Costa diz que não tem qualquer comentário a fazer aos excertos de escutas telefónicas entre dirigentes do PS que foram revelados pela SIC.
A estação de Carnaxide revelou novos excertos de escutas telefónicas entre Ferro Rodrigues, António Costa e Paulo Pedroso que terão estado na origem da ordem de prisão preventiva decretada pelo juiz Rui Teixeira.
Trata-se de uma série de telefonemas que o Ministério Público entendeu como «tentativa de perturbação do inquérito». Os excertos das conversas reveladas pela SIC referem-se ao dia da detenção de Paulo Pedroso.
A SIC afirma que Ferro se referia a um almoço entre Jorge Sampaio e o Procurador-Geral da República.

FRASES DAS CONVERSAS 
Às 09h02 António Costa diz a Pedroso: “Já fiz o contacto”.
O deputado responde: “Sim”. Costa disse que ía falar imediatamente com o procurador do processo, “portanto, o Guerra”. “Receio que a coisa já esteja na mão do juiz visto que é o juiz que tem de se dirigir à Assembleia. Pá, talvez o teu irmão seja altura de procurar o Guerra”.
Às 10h50 João Pedroso disse ao irmão: “O João Guerra está incontactável. Tá numa reunião, mas penso que é aquela que nós sabemos”.

Paulo Pedroso responde: “O procurador-geral disse ao António que achava que já tinha ido tudo para o TIC”.
Logo a seguir, António Costa volta a falar com Paulo Pedroso: “O procurador-geral falou com o magistrado do Ministério Público porque lá o dito Guerra tá lá com ele. E disse-lhe, eh pá, o problema é que isso já está nas mãos do juiz”.
Às 12h22 Ferro Rodrigues disse a Jorge Coelho: “O almoço não serve para nada”.
De acordo com o Ministério Público, tratava-se de um almoço entre o Presidente da República e o Procurador-Geral da República. A pressão poderia ser então exercida através de Jorge Sampaio. Às 19h30 António Costa disse a Ferro Rodrigues que estava a chegar “a casa do Júdice” e afirmou ter conhecimento de que “uma testemunha da Judiciária não é fiável”. Numa nova conversa telefónica Ferro Rodrigues diz a António Costa: “Tou-me cagando para o segredo de Justiça”. CM

TRUQUES PARA ESCAPAR À JUSTIÇA 
(Atenção, se for pobre e sem cunhas, não tente usar estes métodos)
  1. Face Oculta - Ilibar malta do PS, basta cortar as provas?
  2. Freeport: rejeitar provas também ajuda imenso a escapar
  3. O processo da licenciatura do Sócrates foi arquivado porque alguém se "esqueceu" convenientemente de pagar uma taxa de 3 euros???
  4. SIRESP: Sócrates, António Costa e Santana caso arquivado, sem ouvir testemunhas?
  5. BCP: recorrer até prescrever também resulta
  6. Os"Corruptos são apanhados só se forem estúpidos" 
  7. Nem filmando o crime, os corruptos, eram apanhados
  8. “O bater das asas de uma borboleta no tribunal pode provocar um atraso de 15 anos num processo".
  9. Camarate : Deixar andar até todos prescreverem. 
  10. Um video que mostra que, numa queixa contra Sócrates, um policia revelou-se incapaz de encontrar as provas que a TVI encontrou em minutos, mas foi novamente destacado para investigar um crime da mesma matéria. 
  11. A corrupção na Grécia e a justiça! Em Portugal há corruptos não há é justiça.
  12. Video explica a farsa dos que fingem querer acabar com a corrupção. 
  13. Corrupção mostra a sua capacidade de neutralizar a justiça, Sá Fernandes denuncia.
  14. Desacreditar os que lutam contra os corruptos também ajuda
  15. Sócrates foi contra a lei do enriquecimento ilícito. Proposta da então presidente do PSD Ferreira Leite foi chumbada pela maioria PS em 2009. Acabaria por ser aprovada pela coligação de direita em 2012, mas esbarrou no Tribunal Constitucional.
  16. O processo Freeport foi abandonado porque... "O PGR responsabilizou Cândida Almeida pelo fim das investigações ao caso Freeport. Pinto Monteiro esclareceu que o processo foi encerrado, para dedução de acusação, porque a atual diretora do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), apontada como uma potencial candidata à sua substituição, "não pediu mais tempo".  ARTIGO COMPLETO: 
  17. "Oliveira e Costa, apresentou um recurso ao Tribunal alegando que não pode ser julgado por mais do que um crime. O Tribunal ainda não tomou uma decisão quanto ao recurso, mas com isto, Oliveira e Costa já conseguiu arrastar o processo por oito meses. A justiça à medida dos criminosos!!!ARTIGO COMPLETO: 
  18. A JUSTIÇA DESPROPORCIONAL: Já saíram as condenações dos administradores do BPN, uma burla de 9 mil milhões de euros, (...)" os restantes arguidos individuais foram condenados a "valores inferiores a um milhão de euros". No total, o BdP aplicou multas que chegam aos 9,9 milhões de euros a 17 arguidos, entre eles Oliveira Costa, a quem foi aplicada uma coima no valor de 950 mil euros e a inibição de exercer cargos no sector financeiro durante 10 anos." Assim compensa roubar. E como pode ver no video Oliveira e Costa ainda tem a lata de dizer que não tem dinheiro para pagar a multa.
A JUSTIÇA INJUSTA NO BPN.




5 comentários :

  1. As "corporações" defendem sempre a tribo, seja esta ou outra. Cabe a cada cidadão achar que deve alinhar com a coroporação do coração ou o bem mais geral e comum.
    Em Italia esse espirito levou a que a mafia tenha uma implantação medonha e que os cidadãos elejam como 1º ministros criminosos como o Craxi e Berlusconi. E vexas o que desejam para o nosso país? Bem então vejam se votam em conformidade, porque sol na eira e chuva no nabal não vai dar..nunca deu e tanta corrupção só com gente inocente tambem não dá. Já viram as construções por essas camaras fora? acham que os presidentes que autorizaram aqueles mamarrachos sem infaestruturas a volta eram ingénuos ou foram violados? então a assinatura apareceu na autorização por milagre de fátima?
    pergunto outra vez, acha que não há muita corrupção? e eles meteram uma escada e subiram para lá ou vexa tambem votou neles? e diz que não teve culpa?

    ResponderEliminar
  2. Eu não estou aqui a defender ninguém, apenas sou coerente com o que digo. É bom lembrar que a justiça é o principal poder neste país e é um poder não eleito democraticamente. Assinem a petição pela democratização da justiça
    http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=P2010N2869
    Em relação à justiça Marinho Pinto tem falado bem.
    Marinho Pinto contra "República dos Juízes"
    http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=25&did=170051
    Vejam esta frase:
    "Quem estiver a contas com a Justiça não fica sob alçada da lei, como deveria ser num Estado de Direito, fica completamente nas mãos dos magistrados, como acontece em qualquer ditadura".
    Um dos problemas da justiça é a pouca transparência, o que pode levar a irregularidades. Há "corporações" em muitos lados.
    A Justiça a que temos direito
    http://expresso.sapo.pt/a-justica-a-que-temos-direito=f899406
    "Todo o homem que tem poder é levado a abusar dele indo até onde encontra limites". (Montesquieu)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo o que Marinho disse também não invalida que, quem está nas mãos dos corruptos, jamais poderá encontrar a justiça, porque a justiça está dominada pela corrupção porque em Portugal a corrupção é sistémica, já atinge todos os órgãos regulatórios e legislativos.
      Que um país onde os partidos passam impunes perante tantas provas de crimes não é uma democracia é uma ditadura baseada na disputa do poleiro pelo dinheiro e poder.
      Um dos problemas da justiça é a pouca transparência, o que pode levar a irregularidades. Há "corporações" em muitos lados.
      Ora nem mais... em Portugal é o que se passa, uma justiça pouco transparente e demasiado lenta e branda, frágil, onde até o bater das asas de uma borboleta, pode atrasar processos por 15 anos.

      "Todo o homem que tem poder é levado a abusar dele indo até onde encontra limites". (Montesquieu)
      Os corruptos em Portugal ainda não encontraram os limites.

      Eliminar
    2. Cara Zita, há limites para os corruptos, a justiça. Há limites para os corruptos, eles não conseguem mandar prender ninguém, etc, etc. Mas como a justiça é o principal poder neste país e como além disso é um poder onde há opacidade e corporativismo, não há limites para o seu poder. Eventuais abusos ficam no segredo dos deuses e o pobre desgraçado é que sofre. Parece que não percebeu bem a gravidade da frase:
      "Quem estiver a contas com a Justiça não fica sob alçada da lei, como deveria ser num Estado de Direito, fica completamente nas mãos dos magistrados, como acontece em qualquer ditadura".
      Daí que CFA também tenha dito:
      "Esta Justiça de terceiro mundo aterroriza-me".

      Eliminar
  3. Ser "Socialista" é...02 dezembro, 2014 13:01

    Ser "socialista" é ser um "pé rapado" quando se vai para a política e sair de lá milionário. Ser "socialista" é viver num dos bairros mais ricos de Paris e vestir-se nas lojas mais caras do mundo. Ser "socialista" é ter contas na Suíça com milhões de euros sem se saber de onde eles vieram. Ser "socialista" é viver à grande e à francesa enquanto o Povo sobrevive para pagar impostos para sustentar tanto parasita. Ser "socialista" é ter uma fundação a receber fundos públicos. Ser "socialista" é apoiar os amigos e contratar trabalhos de muitos milhões por ajuste direto. Ser "socialista" é ter um motorista para levar dinheiro vivo a Paris para se viver à francesa. Ser "socialista" é ter amigos na PGR e no Supremo Tribunal Justiça...

    ResponderEliminar